DHTML Menu By Milonic JavaScript

Português » Testemunhos » A Posição da Igreja » Mais sobre a CDF  » Pe. Robert Hughes »

Comentário sobre a Notificação de Vassula Ryden

por Pe. Robert Hughes, SM

Pe. Robert Hughes, Igreja SM Rainha dos Apóstolos, San Jose, California, 95129

25 de Janeiro de 1996 (escrito em Scottdale, Arizona, durante férias sabáticas)

 

Vassula Ryden

Em um encontro com o Papa João Paulo II, Vassula o presenteou com várias coleções de seus escritos em várias línguas – uma das quais estava em Polonês. Mais tarde, o Cardeal Sedano, o Secretário de Estado, relatou que o Papa leu seus escritos “com grande interesse”.

O Cardeal Franjo Kuharic, Arcebispo de Zagreb, também recebeu Vassula em audiência privada por mais de uma hora. Mais tarde o Cardeal disse a ela: “ Você é como São Paulo...você declara toda a verdade...” Ele a abençoou dizendo duas vezes: “ Eu a abençoo e à sua missão”. E depois ajuntou: “É uma questão de revelação privada e nós lhe permitimos que fale, porque o que ela diz está conforme a verdade Evangélica”. O Arcebispo Frane Franic, Presidente da Comissão Teológica dos Bispos na antiga Iuguslávia, veio fortemente em sua defesa durante uma conferência na Itália. Ele a chamou “um milagre e um objeto de maravilha”. Ele continuou dizendo: “ Suas mensagens são vivas e autênticas...Essas mensagens podem nos ajudar numa melhor compreensão das mensagens de Jesus no Evangelho...Me parece...que o carisma principal de Vassula é mostrar a pureza da revelação integral de Deus”.

Uma longa linha de Prelados da Igreja e Bispos através do mundo tem escrito cartas pessoais para ela convidando-a a falar em suas dioceses. O falecido Cardeal Posada de Guadalajara, México, antes de seu assassinato, convidou Vassula a falar em sua Catedral. Aqui na Califórnia, o Bispo John Quinn, o antes Bispo de Sacramento, e o Bispo Donald Montrose de Stockton fizeram o mesmo. Do mesmo modo, Bispos na África e América do Sul. Oito Arcebispos e Bispos só no Brasil (o Cardeal queria participar mas ficou doente) a receberam entusiasticamente, onde ela falou para grandes multidões (20000). Estes Bispos requereram entrevistas privadas com ela, presidiram assembleias onde ela falou, presidiram Missas onde o homilista recomendou que seus escritos fossem lidos e meditados, tiraram fotos com ela, e abençoaram sua missão. Vassula é também defendida por teólogos Católicos proeminentes através do mundo: Pe. Michael O’Carroll, C.SS.P., seu conselheiro espiritual (Irlanda). PE. “X”, P.I.M.E, seu primeiro conselheiro espiritual (Bangladesh), PE. Ljudevit Rupcic, O.F.M. (Suiça), Pe. Christian Curty, O.F.M. (França), Pe. Ovila Melancon, S.J. (Canadá), Pe. Michael Kaszowski (Polônia), Pe. Bianchi (Itália), Pe. Ed O’Connor, C.S.C. de Notre Dame, Indiana (EUA), Pe. Robert Faricy, S.J. da Universidade Gregoriana de Roma (Itália) e tantos outros.

Pe. René Laurentin (França), perito no Concílio Vaticano II, um dos mais proeminentes Mariologistas do mundo e o mais vastamente experimentado no discernimento de aparições/locuções, escreveu um livro inteiro defendendo-a, a autenticidade de seus escritos e a solidez de sua doutrina, sob o título: When God Gives a Sign- Quando Deus Dá um Sinal (clque aqui para detalhes)

Vassula é também aclamada na Igreja do Oriente da mesma forma. Mais importante, ela está em situação regular com seu Bispo Ortodoxo Grego Damakinos. Entre seus muitos apoiadores no Oriente estão: Arcebispo David Sahagian, Patriarca Armênio Ortodoxo de Jerusalém; Pe. Vladimir Zielinski, teólogo Ortodoxo Russo; Todor Sabev, teólogo Ortodoxo e Ex-Deputado Secretário Geral do Conselho Mundial das Igrejas (Genebra); Pe. Ion Bria, teólogo Ortodoxo, Unidade de Renovação, Conselho Mundial das Igrejas. Adicionamos a esta lista nosso próprio Sacerdote –Monge Grego-Ucraniano Joseph do Mosteiro da Santa Transfiguração, Redwood Valley, Califórnia.

O que é significativo é que um número de Bispos e teólogos expediram demonstrações de apoio a Vassula desde a aparição da Notificação. E eu estou feliz de me reunir a eles. Gostaria de tornar perfeitamente claro que estou com o Papa e aqueles Cardeais, Bispos e teólogos lendo com profundo interesse e grande alegria estas revelações do céu maravilhosas, importantíssimas e sem preço contidas em seus escritos, que são perfeitamente conformes à doutrina Católica e Sagradas Escrituras, e que celebram valores fundamentais, centrais e caros à nossa Tradição Católica. Uma das maiores graças de minha vida foi participar das conferências ministradas por Vassula e Pe. Michael O’Carroll, C.SS.P., na Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de 8 a 10 de abril de 1992 aqui em Scottsdale. Para este ano sabático decidi retornar ao lugar original e procurar esta graça única. Eu medito as mensagens diante do Sagrado Sacramento exposto várias vezes ao dia; o restante do dia em curso eu lia e refletia sobre as mesmas mensagens. Se eu tenho que deixar a cidade, as mensagens vão comigo. Nunca vou esquecer a primeira semana de fevereiro de 1994, quando Vassula finalmente confirmou sua vinda a San Jose de 26 a 28 de março de 1994. Começamos a trabalhar num folheto imediatamente, mas antes que o pudéssemos imprimir menos de uma semana após seu telefonema, todos os 2000 ingressos tinham sido reservados. Pela chuva de ligações subsequentes e consultas, ficou claro que poderíamos ter alojado 10.000 se tivéssemos uma sala grande o suficiente disponível. E me lembrei da mulher Ortodoxa Grega, longe de sua Igreja por 20 anos, que explodiu em lágrimas tão logo Vassula começou a falar: “Tão logo ela começou”, ela disse, “eu soube que Deus estava falando diretamente para mim”. E quem esquecerá a rosa vermelha suspensa no ar por cerca de duas horas na estátua do Sagrado Coração, posta por Vassula na mão invisível de Jesus. E então há a mensagem especial que Jesus deu ao povo de San Jose: “Meu Coração é um Abismo de Amor e perdão”. Depois que Vassula proferiu sua primeira palestra em Scottsdale (1992), durante o intervalo as pessoas correram para mim perguntando se eu tinha visto a face de Jesus na frente dela. Infelizmente eu estava enterrado no meu bloco de notas e raramente olhei para cima. Mas durante uma recepção no fim-de-semana Vassula veio até mim e fez várias sugestões de como ler as mensagens corretamente. Cada comentário era uma correção para o modo como eu estava fazendo. Em Sacramento, CA. Quando Vassula falou na Catedral do Santíssimo Sacramento em seu aniversário, 18 de janeiro de 1993 sobre o Sagrado Coração, O Espírito Santo e Deus Pai, eu saí mais tarde e vi três pombas brancas circulando acima. Nem estes pequenos sinais, nem as profecias em suas mensagens cumpridas, nem a marca de estigma que ela porta, nem a Paixão que ela sofre periodicamente, nem a variedade e excelência de seus extraordinários carismas – nenhum destes é a questão central. Seu maior sinal de autenticidade reside nas conversões que acontecem como resultado de suas mensagens. Eu sou testemunha disto em conferências onde ela fala, mas principalmente como diretor espiritual lidando com muitas pessoas que encontram vida em suas mensagens, e uma conversão sempre mais profunda para nosso Senhor.

 

 

A Notificação

Esta Notificação ou “aviso” foi emitida a pedido da Conferência Suiça de Bispos de acordo com seu Secretário, Padre Roland Trauffer, O.P.This Notification or "warning" was issued at the request of the Swiss Conference of Bishops according to their Secretary, Father Roland Trauffer, O.P.

1. Declarações pela Congregação para a Doutrina da Fé deveriam merecer nosso maior respeito – mas elas não são nunca infalíveis.

 

a. Um bom exemplo é o caso da Irmã Faustina Kowalska, cujos escritos dobre a Divina Misericórdia foram banidos do Vaticano (1959-1978). O banimento foi eventualmente levantado e sua situação foi completamente revertida quando o Papa João Paulo II a beatificou em 1993. b. O Cardeal Andrew M. Deskur escreveu o seguinte Prefácio para a edição Polonesa (1981) do Diário da Irmã Faustina:
1) ”A Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé, na sua revisão mais de dois anos atrás (1978) retirou as censuras e reservas promovidas antes pela Santa Sé... A retirada da “Notificação” fez com que a devoção à Divina Misericórdia... crescesse e fosse renovada em sua vitalidade em todos os continentes...” 2) “É igualmente necessário salientar que foi o Cardeal Karol Wojtyla, o Arcebispo de Cracóvia àquela época, que fez os esforços para iniciar o Processo de Beatificação da Irmã Faustina...”
c. Também deveria ser notado que foi o Papa João Paulo II, como Cardeal Arcebispo de Cracóvia, que seguiu sua consciência e objetou contra o banimento de seus escritos e seus persistentes esforços com a Congregação fizeram que o banimento fosse levantado. d. A história está cheia de tais reversões.

 

2. Esta notificação é uma opinião preliminar e de nenhum modo um julgamento final.

 

a. A presente operação da Congregação para Doutrina da Fé é basicamente determinada pelo motu proprio do Papa Paulo VI, publicado em 7 de dezembro de 1965 e intitulado Inegrae Servandae ("Preservando Intacto"). Uma das normas naquele documento é como segue: “quando investigando a ortodoxia de escritos, estes escritos não serão condenados sem ter primeiro ouvido do autor que tem a capacidade de defender-se” (ibid. n. 5) Esta norma foi escrita na lei da Igreja, promulgada desta forma e está válida. Nem Vassula Ryden, nem seu conselheiro espiritual, Pe. Michael O’Carroll, C.SS.P., foram alguma vez consultados até agora, o que claramente indica que estamos no início de um longo processo. b. Da mesma forma que a Igreja não profere julgamento final sobre uma aparição até que ela seja completamente terminada, também a Igreja não entrega julgamento sobre um livro até que esteja terminado e avaliado como uma unidade completa. O Papa Bento XIV enfatizou este ponto em sua Introdução para o que uma vez conhecemos como o Índice de Livros Proibidos: ”Nós advertimos que deve ser diligentemente lembrado que um correto julgamento de um senso verdadeiro de um autor não pode ser alcançado até pelo menos que o livro seja completamente lido e em todas as suas partes...” A Verdadeira Vida em Deus de Vassula é um livro ainda em elaboração e até a data de hoje, ainda não foi concluído.

 

3. Este documento indica o começo de um diálogo e não o fim de uma discussão.

a. Este diálogo, se o processo devido for tratado de acordo com a lei da Igreja, deve começar com Vassula Ryden. Como este diálogo acontecerá quando seu livro ainda não está completo é uma questão válida. Indubitavelmente, seu conselheiro espiritual, Pe. O’Carroll, será incluído neste estágio inicial. Pe. O’Carroll é um teólogo excelente, autor de cinco enciclopédias de teologia de um volume, um conhecido muito familiar do Papa, cuja tese de doutorado foi em vida espiritual. b. A Congregação terá ainda que encontrar uma forma de lidar com os Prelados da Igreja em torno do mundo, que já vieram em defesa de Vassula depois que a Notificação foi expedida. c. E então, há declarações de teólogos proeminentes em todo o mundo. O que é mais significativo é aquele no livro de Pe. Laurentin, When God Gives a Sign- Quando Deus dá um Sinal, fica imediatamente evidente que ele efetivamente responde cada uma das objeções doutrinárias da Notificação.

4. Esta Notificação revela mais questões do que encerra o livro.

a. Esta declaração é feita na Notificação: “em adição a salientar a natureza suspeita (ênfase minha) das maneiras pelas quais estas alegadas revelações aconteceram...”Em 1943, o Papa Pio XII escreveu a Encíclica Divine Afflante Spiritu que, em parte, tenta nutrir verdadeiro subsídio para estudo na Igreja. Ele parece ter em mente a “suspeita” contida na Notificação: “Possam todos os filhos da Igreja ter em mente que os esforços destes determinados... trabalhadores das vinhas do Senhor deseriam ser julgados não apenas com equidade e justiça, mas também com a maoir caridade. Todos, contudo, deveriam abominar o zelo intemperado que imagina que o que quer que seja novo deveria, por esta razão, ser oposto ou suspeito” (ênfase minha). b. Uma outra declaração: “... a vinda próxima é a predição de uma Igreja que seria uma espécie de comunidade pan- Cristã...”. Vassula nunca usa a palavra “pan-Cristã” em seus escritos. Como o Pe. Laurentin indica, sua postura é simples: reconhecimento do Papa. Ainda uma outra: “...está profetizado que Deus fará uma intervenção final, gloriosa que iniciará na terra...uma era de paz...”. Aqui estão as palavras de Nossa Senhora em Fátima (1917): “No final meu Imaculado Coração triunfará, a Russia será convertida e haverá paz”. d. Apenas mais uma: “Além disso, participando habitualmente dos sacramentos da Igreja Católica, mesmo sendo Ortodoxa Grega, a Sra. Ryden está causando considerável surpresa em vários círculos da Igreja Católica”.
1) O Novo Código de Lei Canônica (C. 844#3): “Ministros Católicos podem licitamente administrar os sacramentos da penitência, eucaristia e Unçaõ dos enfermos aos membros das igrejas Orientais que não tÊm comunhão completa com a Igreja Católica, se eles pedirem por sua própria iniciativa os sacramentos e apresentarem disposição apropriada”. O Diretório para Ecumenismo de 1993 (n.125) pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Unidade Cristã cita o verbatim c.844#3. 2) A Declaração de Balamand, aprovada em 23 de junho de 1993 pela Comissão da Junta Internacional para o Diálogo Teológico entre a Igreja Católica Romana e a Igreja Ortodoxa em Balamand, Líbano, defende o princípio da liberdade pessoal: “... a liberdade inviolável das pessoas e suas obrigações de seguir os requisitos de sua consciência permanecem seguros...” (n.15)

5. Esta Notificação é o cumprimento de uma profecia e não apenas um documento.

a. Profecia de 18 de janeiro de 1991: “mostrar-te-ei também como que um sinal de recusa: a recusa da União…” “Não, as Minhas Mensagens seguirão o seu curso, sem ti. Mas tu serás sacudida; Eu permitirei que as mãos sujas dos teus perseguidores te atinjam e te maltratem abertamente. Permitir-lhes-ei que te contradigam... e atacar-te-ão, como corvos que devastam as colheitas. A seus olhos, tu parecerás perdida, porque as chagas que eles te irão provocar serão realmente impressionantes. Minha filha, essas chagas ser-te-ão infligidas pelo próprio interior da Minha Casa e pelos Meus; ser-te-ão infligidas pela grei de Caim. Eu Próprio permitirei a todos esses que atinjam uma menina inocente; mas a sua alegria depressa se transformará em luto. Sim, Minha Vassula, tu parecerás derrotada; mas não terei também Eu dado a impressão de um derrotado? Parecia que teria mesmo falhado, na Minha Missão. Apareci aos olhos do mundo como o maior de todos os derrotados. Tu mesma és um sinal que Eu lhes dou para fazer suscitar perguntas, as quais serão depois utilizadas para fazer suscitar uma polêmica.” b.Mensagem de 25 de outubro de 1995: Depois que a Notificação surgiu, “...Vês como as Minhas predições se realizam? Flor do Meu Coração, chama dos Meus Olhos, a tua missão não estará cumprida, senão quando Eu lhes permitir que te crucifiquem... Eu tinha-te dito que o Pai te havia traçado uma estrada semelhante à Minha... Hoje, como vês, foste vendida pelo teu próprio povo, como Eu fui vendido por um dos Meus. Minha preciosa, o teu próprio povo traíu um sangue inocente... Tu foste entregue por um dos teus aos Romanos, a fim de que eles te condenem e sejas crucificada. Vassula, tu mesma, guarda o Meu silêncio (isto significa que me não devo defender a mim mesma) ; tens suficientes testemunhas que podem defender-te. Os fiéis permanecerão fiéis. As tuas vestes, Minha filha, passarão pelo teu sangue, e também isso mostrará, à evidência, que tu vens de Mim. Foi para isso que tu nasceste e a tua aceitação delicia-Me, porque, através dos teus tormentos, Eu salvarei muitos. Através dos teus tormentos, iluminarei a Minha Igreja, dando origem a um renovamento no Meu Espírito Santo, Três Vezes Santo... Vassiliki, olha bem para os Meus Olhos...Vais prometer-Me, se Me amas, que lhes perdoas a todos.”

Como Responder à Notificação

1. Renove sua fé. “Eu creio em Deus, Pai todo poderoso...!- nós dizemos isso todos os dias. Na ordem prática isto significa que Deus está no controle absoluto de todas as coisas que acontecem nesta terra até o mínimo detalhe. Deus tem um plano para nossa era, e Seu Desejo e Plano se cumprirá inexoravelmente.ele frequentemente testa a nossa Fé como Ele fez com Abraão. E de tempos em tempos, devemos nos lembrar que Ele escreve reto com linhas tortas. Ouçam...

a. "na grande Apostasia da vossa geração, o Meu Espírito Santo é perseguido, como nunca” (7 de julho de 1992) “sei que as chagas mais impressionantes que irei receber, Me serão dadas justamente nas casas dos Meus melhores amigos”. (16 de abril de 1993) “quem é Meu servidor, quem faz parte dos Meus, está certo de ser atacado...” (5 de junho de 1992) “ uma parte da Minha Igreja foi cega, por causa do seu espírito racionalista” (31 de maio de 1994). b. “Não penses que o Altíssimo não possa encontrar o modo de levar a bom termo o Seu Plano... Eu realizo uma grande Obra a que ninguém poderá pôr obstáculos”.  (26 de agosto de 1992- 23 de agosto de 1992) “ Saiba-se que o Santíssimo está à testa de tudo” (11 de junho de 1994)” “Varrerei para fora todos quantos impedem o caminho ao Divino Amor”. (21 de dezembro de 1987) “Lembra-te de que Eu atinjo sempre os Meus fins”. (7 de abril de 1988) c. “Disse e repetirei sem descanso estas palavras importantes: "Aquele que não acolher o Reino de Deus como uma criancinha, jamais entrará nele"(16 de maio de 1988) “Sei que as Minhas ovelhas, que Me pertencem, ouvirão a Minha Voz e não Me irão faltar.” (17 de março de 1993) “Os que tiverem ouvidos, que ouçam. Os que não quiserem ouvir, que não ouçam.” (11 de outubro de 1993) “Todo aquele que guarda a Minha Palavra, jamais verá a morte.”(6 de maio de 1992).

2. Rezem pelos Membros da Congregação. Eles precisam da Luz do Espírito Santo na sua difícil tarefa de discernimento, particularmente na questão crítica e difícil da origem sobrenatural destas Mensagens. Em toda a justiça e caridade nós lhes devemos o suporte de nossas orações, e desta forma estaremos trabalhando pela unidade.

a. "Satanás está enganando muitos ao atacar revelações e aparições que vêm de Mim…Satanás está desesperado e está tentando confundi-los e trazê-los um contra o outro.” (1-364) “Enquanto seguirem o seu caminho, ficarão intelectualmente na escuridão e estranhos aos Meus sinais e às Minhas maravilhas.Por isso, enquanto recorrerem ao seu próprio espírito, continuarão a contra-interrogar o Meu Espírito Santo de Verdade sem O reconhecer…” (31 de maio de 1994) “Quanto aos teus opressores…, não os olhes como inimigos mas como gente que também faz parte da família e que, portanto, Nos é querida e precisa de orações.” (9 de novembro de 1994)


3. Cooperem com seu Bispo Local. A Notificação é endereçada aos Bispos e determina a aplicação mais praticável das diretivas pastorais de acordo com a situação e o bem comum dos Fiéis. A Congregação reconhece o papel do Bispo local usando a palavra “pedidos” e não palavras tais como “dirige” ou “exige”. A Congregação sugere duas linhas de ação ao Bispo local:

“que seus fiéis devem ser adequadamente informados," (2) “e que em suas Dioceses não sejam proporcionadas oportunidades para a disseminação de suas idéias."

a. "que seus fiéis devem ser adequadamente informados..." Esta redação dá ao Bispo local,  todo o direito de adotar a postura que julgar a mais responsável. Como vimos no caso de Imã Faustina, o Papa João Paulo II, como Cardeal Arcebispo de Cracóvia decidiu defender a Beata Faustina depois que a Notificação sobre ela apareceu. Ele obteve sucesso em apontar as interpretações errôneas de seus escritos. b. “que em suas Dioceses não sejam proporcionadas oportunidades para a disseminação de suas idéias."

1) Esta declaração está limitada à propriedade da Igreja principalmente. Bispos têm todo o direito de decidir o que acontece e o que não acontece na propriedade da Igreja. Aqueles Bispos que decidem a implementar este banimento garantem completa cooperação dos fiéis. 2) Livrarias estão livres para possuir os escritos de Vassula, editores podem distribuir seus livros, conferências podem ser realizadas em terreno neutro para discutir suas Mensagens e os fiéis são inteiramente livres para ler o que ela escreveu.

 

4. Sigam Sua Consciência. Como Católicos não questionamos a responsabilidade da Igreja de salvaguardar e promover o depósito da Fé. De fato, em algumas ocasiões há uma séria obrigação de responder em completa obediência, i.e., observância externa e consentimento interno, como no caso das declarações infalíveis (o Papa falando ex-cátedra, todos os Bispos em união com o Papa como em Concílios Ecumênicos) e no exercício do Magistério Ordinário da Igreja. As investigações e ações disciplinares das Congregações são um pouco diferentes. Eles não são nem infalíveis, nem irreformáveis, como vimos. Desde que a presunção é de que o Espírito guia e assiste aqueles a quem este ministério foi concedido, o Fiel ordinariamente deveria dar um consentimento interno."Contudo, este consentimento não é e não deve ser dado cega e mecanicamente, pois em cada caso o adulto Católico tem o direito e o dever de fazer um julgamento pessoal por si próprio". (Art. "Autoridade do Magistério na Igreja" na Enciclopédia Novo Católico) Há três instâncias onde o consentimento interno pode ser retido:

1) Durante o Processo de Investigação. Uma vez que a Investigação de Vassula está em seu estágio inicial, somos inteiramente livres para seguir o diálogo e formar nossa própria opinião; 2) Dúvida séria. "Em um caso particular em que não há questão de qualquer verdade ser proposta definitivamente pelo magistério infalível, se alguém tem razões seriamente graves para suspeitar que algum decreto doutrinal é falso, ele poderia suspender seu consentimento e guardar meramente obediência exterior..." (ibid. Art. "Teaching Authority in the Church - Magistério na Igreja"); 3)Uma Opinião Contrária de um Perito."Por modo de exceção, a obrigação de concordância interna (consentimento) pode cessar se um perito competente, depois de investigação cientifica de todos os fundamentos, chega à convicção positiva de que a decisão baseia-se em um erro." (Fundamentals of Dogma -Fundamentos de Dogma por Ludwig Ott, p.10) Padre Laurentin em When God Gives a Sign - Quando Deus dá um sinal, P. 42:" Vassula não apresenta qualquer problema doutrinal. Se uma suspeita prévia e um ardor iconoclástico encontraram objeções, estas não são sólidas, enquanto se interpreta o texto no seu contexto e na íntegra da mensagem, de acordo com uma hermenêutica sólida e não de acordo com a lei que se aplica em caça às bruxas."

 

5. Leia A Verdadeira Vida em Deus. Nosso Senhor disse:"As palavras que vos disse são Espírito e Vida." (Jo 6,63) Quaisquer palavras de Deus, estejam elas na Sagrada Escritura ou revelação privada, contém o poder de Deus - um poder que opera continuamente para nos converter mais e mais para nosso Deus. Isto ocorre quando quer que alguém leia tais palavras com uma mente aberta e um coração aberto. Faça isto e você experimentará a ação do Espírito Santo em sua vida."Feliz o homem que abre o seu coração ao Meu Espírito Santo...Meu Espírito Santo...mostrar-Se-á abertamente ao inocente, ao pobre e ao simples." (5 de Outubro de 1992)

a. As mensagens contidas em A Verdadeira Vida em Deus são únicas, extraordinárias e muito especiais. Elas revelam para nós os tesouros mais elevados no sagrado Coração de Jesus, escondidos no passado e reservados de um modo especial para nosso tempo. Elas são as revelações privadas mais importantes jamais feitas. Santa Gertrude, quando lhe foi mostrado um vislumbre delas, foi tomada pelo êxtase.  " Dei-vos esse Tesouro inesgotável, que estava escondido aos olhos da humanidade e que não foi revelado senão a Gertrudes ...Esse Tesouro Inesgotável estava reservado para o vosso tempo: o fim dos tempos." (18 de Fevereiro de 1995) "Compus um Hino de Amor para... lembrando-vos o Meu Amor eterno, que Eu Mesmo tenho por cada um de vós" (14 de Setembro de 1992) b. Estas mensagens são também muito importantes, porque elas anunciam a Segunda Vinda de Nosso Senhor com uma descrição clara dos eventos que irão precedê-la. Elas descrevem a Grande Tribulação da Igreja (I-383) O Dia da Purificação (I -348) ou Aviso (I -330) A Grande Conversão (I-339) ou Grande Retorno (I -353), O Grande Sinal (I-394), A Unidade da Igreja (I-231). O Novo Pentecostes (I-356), A Nova Jerusalém (I-360), O Novo Céu e a Nova Terra e muito mais..."esta revelação divina será o (Seu) último aviso" .B.V.M. (30.10.1987) "Aquele que, desta vez, se recusa a acender a sua lâmpada e a servir-se dela, ser-lhe-á tirada e será dada a qualquer outro." (21 de Dezembro de 1992) "Nós viemos oferecer a todos a Nossa Paz e preparar-vos para a viagem para o Céu..." (20 de Abril de 1992) "É chegado o tempo da classificação; chegou o tempo da prestação de contas...." (20 de Julho de 1992) c. Estas mensagens são profundamente significativas porque revelam o plano secreto de Deus da salvação de cada um de nós vivos hoje. Não apenas que revelaram os mistérios ocultos por eras e indicaram nossa porta de entrada, nossos meios de participar deles: a divinização de nossa alma, nossa vida na Santíssima Trindade, nosso lugar de destino - O Sagrado Coração - nosso verdadeiro lar, a atividade do Espírito Santo em nossa vida, o carinho e ternura de Deus Pai, A infinita intensidade do Amor fiel de Jesus, o mistério dos Dois Corações. " Meu Plano secreto de Salvação. É este," (18.1.1988)"Hoje, mais que nunca, Eu peço a todos que vos consagreis, vós mesmos, as vossas famílias e as vossas nações, aos Nossos Dois Corações." (20 de Julho de 1992) d. E há muito mais: a revelação dos mais profundos segredos ocultos em Deus agora acontecendo e os dons maravilhosos e carismas presentes em Vassula, que é um "sinal" ou "amostra" de como apenas Deus adornará e levará todos aqueles que estiverem abertos e se entregarem.


Rezo para que o Espírito Santo guie os membros da Congregação em todas as suas investigações, deliberações e decisões, e peço especialmente que este mesmo Espírito Santo envolva cada um de vocês pessoalmente e os leve triunfantemente para Uma Verdadeira Vida em Deus.

Rev. Robert Hughes, S.M.

 
Testemunhos
A Posição da Igreja
    Modificações pela CDF (2005)
    O Patriarca de Alexandria e Toda a África, Theodoros II
    Cardeal Franjo Kuharic
    Cardeal Napier, Arquidiocese de Durban, África do Sul
    Cardeal Sfeir
    Cardeal Telesphore P. Toppo, Arcebispo de Ranchi
    Arcebispo Vincent Concessao, Arcebispo de Nova Deli
    Arcebispo Frane Franic
    Arcebispo David Sahagian
    Arcebispo Serafim
    Bishop Joäo Terra
    Bispo Anil Joseph Thomas Couto
    Arcebispo da Igreja Ortodoxa Autocéfala Ucraniana na América do Sul
    O reverendíssimo Riah Abu El-Assal, Bispo Anglicano em Jerusalém
    Bispo Karl Sigurbjörnsson
    Boas Vindas do Bispo Theofylaktos
    Bispo Georges Kahhale
    O reverendo Gavin Ashenden
    Padre Ion Bria, Professor de Teologia Ortodoxa
    Popa João Paulo II
    Mais sobre a CDF
        Lei Canônica
        Tocada pelo Espírito de Deus II: Vassula e a CDF
        Pe. Robert Hughes
        Pe. Guido Sommavilla
        Pe. Christian Curty
        Pe. Miguel Contardo SJ
    Bibliografia Internacional
    Encontros com Vassula ao redor do Mundo
    Caridosos ‘Atos de Amor’
    Ecumenismo & Espiritualidade
    O Enigma Vassula
Clérigos Cristãos, Religiosos, Teólogos e Estudiosos
Outras Religiões
Testemunhos Leigos
Testemunhos de Prisioneiros

A Posição da Igreja
Informação a respeito da Igreja e da e a espiritualidade de A Verdadeira Vida em Deus
 

Clérigos Cristãos, Religiosos, Teólogos e Estudiosos
Testemunhos por Ortodoxos, Católicos Romanos e clérigos Protestantes, religiosos, teólogos e estudiosos
 

Outras Religiões
Testemunhos de religiões não Cristãs
 

Testemunhos Leigos
Uma coleção de pequenos testemunhos de pessoas leigas ao redor do mundo
 

Testemunhos de Prisioneiros
Uma coleção de testemunhos de prisioneiros ao redor do mundo
 

 
 
MENSAGEM DO DIA:

Agora Lhes Permito Que Te Persigam
 
MENSAGEM ANTERIOR:

Os Servos Displicentes
 
 
 



Pesquisa Rápida

© Vassula Rydén 1986 Todos Direitos Reservados
X
Enter search words below and click the 'Search' button. Words must be separated by a space only.
 

EXAMPLE: "Jesus Christ" AND saviour
 
 
OR, enter date to go directly to a Message