DHTML Menu By Milonic JavaScript

Português » As Mensagens »

O Que Significa O Regresso De Cristo?
A Mentira De Satanás A Eva É Repetida

1 de Junho de 2002

- Fostes Vós, Pai Bem-Amado,
que criastes o meu mais profundo eu...

- E Eu disse: Eu vou abençoar o seu eu mais profundo, com riquezas que vêm de Mim; Eu serei então como uma lâmpada para a Minha ungida, fornecendo ao seu mais profundo ser a Nossa irradiante Presença. "E lá, o Meu Filho e Eu ficaremos para sempre, porque foi a casa que Nós Nos decidimos a habitar".

Oh! Vem, tu que Me serves, servindo a Minha Casa, aproxima-te de Mim e deleita-Me. Vem e aprende: está escrito que, se tu pecas, verdade é que Me tens ainda a Mim, porque tu reconheces o Meu poder; mas, sabendo que Eu te reconheço verdadeiramente como Meu, tu não pecarás. Por isso, reconhecer-Me é verdadeiramente a virtude perfeita. Conhecer o Meu poder é a raiz da imortalidade. Eu desejo que esta palavra seja o tema de cada um.

Eu tenho sido, Minha Vassula, o teu Conselheiro, mas também Amigo, em todos estes anos; e, mesmo durante a noite, Eu tenho instruido o teu eu mais profundo, dando à tua alma uma alegria sem limites, com a Minha Presença. Eu tenho-te formado com este amor sem limites, para te erguer constantemente os olhos para a Minha luminosa Presença e para ninguém mais; Eu sou, e tenho sido sempre o teu único Director Espiritual e Conselheiro, dando à tua alma as directrizes da Sabedoria; Eu não te enviei para o Este ou Oeste, nem te enviei para o Norte ou para o Sul, a procurar uma direcção espiritual; com efeito, que melhor direcção espiritual que aquela mesma que Eu Próprio te dou? Eu era o único que poderia perscrutar o olhar através das sombras escuras da tua alma, para pronunciar um veredicto verídico ao teu eu mais profundo, e atrair-te a atenção para a tua doença. Pois bem, então não te terei Eu feito renunciar à tua rebelião para Comigo? Acaso te não tracei Eu um caminho, para que o sigas, com o Meu Nome como tua insígnia, e para que sigas as Minhas Pegadas, a fim de que te não desvies, na tua caminhada?

- Sim, Senhor; eu tentei observar
cada mandamento dos Vossos Lábios;
está escrito que há uma Ribeira,
cujas ondas refrescam a cidade de Deus,
e que Ela santifica a morada do Altíssimo;
Deus está no interior da cidade,
ela não pode cair nunca;
no momento preciso, Deus ajuda-a;
ao clamor das nações e ao vacilar dos reinos,
quando Ele grita, o mundo desintegra-se...
(Sl 46, 5-7).

O Vosso Espírito Santo é esta Ribeira
que constantemente santifica a alma,
o nosso eu mais profundo
que Vos pertence, meu Deus...
Eu abro o meu ouvido
e fico em silêncio por um momento,
a fim de que o Grande Rei venha com poder e
me dê graciosamente as Suas divinas instruções,
instruções que não impõem desordem à Vossa Lei;
por conseguinte, que a terra se alegre,
que os povos da terra
exultem e gritem de alegria
enquanto o Rei passa por nós
para julgar a terra com justiça
e as nações com a Sua Verdade;
aclamai o Rochedo da nossa salvação,
e reunamo-nos na Sua Presença
com acções de graças.

- Eu tenho-te dado um acesso directo ao Meu Coração para que tu floresças, Minha flor, e continues a dar-Me acções de graças. Continua a dar-Me acções de graças e Eu Mesmo as tomarei como teu sacrifício e elas Me honrarão... Fica sabendo, Minha bem-amada, que proclamar o Meu Nome Me dá louvores e glória; Eu amo-te, Vassula; os mortos não podem louvar-Me; mantêm-se silenciosos. O mundo não pode bendizer a Minha Santidade Trina; fica silencioso; sombras de morte pairam por aqui e por ali; Eu estou Presente e o Meu poder cura e salva, mas olha para o mundo de hoje; bem poucos correspondem à Minha graça, e eles não encontraram refúgio em Mim, Javé. Bem poucos Me temem, Vassula. A morte está ao canto da rua mas, mesmo assim, o mundo não invoca o Meu Santo Nome. Esta geração recusa-se a caminhar Comigo.

Eu enviei-te ao país dos mortos, onde desolação e desespero reinam em muitos corações. O laço corredio do maligno é agora evidente; e, no entanto, o mundo, na sua apatia, continua a odiar os Meus preceitos; a Minha Lei é constantemente transgredida.

- Eu fico desperta toda a noite
a meditar em tudo isto
e não lhe vejo saída;
se Vós não estivésseis perto de mim, Javé,
guardando-me, cobrindo-me, cercando-me,
eu morreria de tristeza;
ergo os meus olhos para Vós com dor e suspiro,
sabendo que o meu lar está no Céu,
e no entanto eu estou ainda na terra;
eu interrogo-me muitas vezes:
"que faço eu aqui, nesta terra,
à qual já não pertenço,
nem a qualquer que seja?
Sinto que estou emprestada...
eu estou emprestada...
eu estava a Seu lado,
quando Ele me ditou as Suas regras,
depois de me ter conduzido
do país do esquecimento e da morte,
para me destinar a existir;
do pântano, ergueu a minha alma,
para revelar a Sua Santa Face;
então, Vós enviastes-me em Vosso Nome,
não olhando sequer das vezes
que Vos arriscáveis
a depreciar o Vosso Ceptro e o Vosso Esplendor;
Vós coroais as Vossas Obras
com a Vossa bondade
e a abundância corre onde quer que Vós passais;
Vós carregais-nos de riquezas,
Vós purificais-nos como a prata.
Cristo caminha com majestade
através deste deserto, e faz vacilar a terra,
para anunciar o Seu Regresso iminente;

Mas o povo não compreendeu;
alguns dizem:
"Cristo vem em carne e osso";
outros objectam de forma infundada:
"Deus vai vir cortar as cabeças de Seus inimigos";
mas não compreenderam os Salmos...

Como os fantasmas
de um sonho de meia-noite, interrogam-se;
também eu no início
encalhei simplesmente no compreender,
mesmo quando estava constantemente na Vossa Presença;
mesmo quando Vós me pegáveis
na mão direita para escrever;
está escrito:
"o Senhor entrega a Seu mensageiro as Suas notícias..."
e é o que Ele faz...

Quando os Passos de Deus Se aproximam
e se fazem ouvir, os virtuosos alegram-se,
exultam e cantam de alegria; eles dizem:
"construí uma estrada
para o Cavaleiro das Multidões;
alegrai-vos em Cristo;
exultai com a Sua vinda!"
No tempo de Noé, os céus caíram em dilúvio
com a Vossa vinda... com a vinda de Deus...
mas eles não Vos tinham visto em carne e osso...
e agora, a terra vai ser posta em chamas
com o Regresso do Vosso Filho;
com a vinda de Deus...
Cristo vai descer das alturas;
justamente como milhares de miríades de divinos carros,
Vós, Senhor, deixastes o Sinai
para o Vosso Santuário;
David disse:
"O Senhor vem do Sinai para o Seu santuário
Subindo às alturas, levastes os cativos;
recebestes homens em tributo, até os que recusaram
habitar com o Senhor Deus..."
1 .
mas eles não Vos viram em carne e osso...
e, no entanto, Vós estáveis lá...
Quando Vós Vos aproximais dos virtuosos,
e eles se alegram,
eles não Vos vêem em carne e osso...
mas Vós estais lá;

Quando Vós Vos colocáveis
à cabeça do Vosso povo,
e ele caminhava através do deserto,
Vós não viestes em carne e osso...
mas, no entanto, Vós estáveis lá...

e assim acontecerá também,
quando Cristo, nestes nossos dias,
declara que o Seu Regresso é iminente...
o céu e a terra serão postos em chamas
e Ele virará os corações dos pais
para os corações de seus filhos
e os corações dos filhos
para os de seus pais...
e contudo, ninguém Vos verá
em Carne e Osso...
o Amor regressará como amor...
porque estaremos todos no Verdadeiro Deus,
Fogo Devorador, Trino e Santo...

- 2 Tu deste agora um testamento espiritual; será esse o caminho do Meu Regresso iminente... o Meu Regresso renovar-vos-á e libertará muitos de vós da transgressão. Quando o renovamento se realizar, muitos serão revestidos de Mim Mesmo, e todos os santos e anjos darão graças pelo dom do Meu Espírito Santo. Qual é o Dia do Senhor? Os que se revoltaram e se revoltam de forma persistente contra Mim saborearão esse Dia e tudo o que ele comporta. Ele virá sobre estes transgressores tão repentinamente como um raio e, como um fogo terrível, serão transformados em tochas humanas.

Sim, a terra, como tu disseste, será posta em chamas, e a sua consciência lhes será revelada como uma revelação. O Meu fogo divino transformará os corações inflexíveis num coração indulgente, no Meu Dia. A terra em agonia conhecerá plenamente, na consciência e na alma, os seus fracassos e deficiências, a sua corruptibilidade e anarquia e, o que não é menos importante, a infame rejeição da Minha Ressurreição e da Minha Omnipresença na vossa vida quotidiana. O Céu abrir-se-á no Meu Dia, e os que Me rejeitavam, proclamando-se deuses, serão julgados severamente.

Quem poderá dizer que Eu vos não tenho instruido a todos, em todos estes anos? Acaso vos não tenho afirmado o Meu poder por meio de maravilhas, em todos estes anos? E vós, alguma vez medistes a magnificência de Minha Santidade Trina e a grandeza inexprimível do Meu Nome? Alguma vez afirmastes a Minha grandeza ou proclamastes o Meu Esplendor e o Meu poder terríveis? Eu vo-lo digo: infeliz, daquele que se encontrar sem a Minha Luz, no Meu Dia... esses, Eu Próprio os purificarei com o Meu Fogo. Quanto àqueles que têm observado os Meus preceitos e a Minha Lei, baseada no amor, e que são o sal da terra, eles não serão provados pelo fogo, pois Eu Mesmo sou o seu Deus e eles reconheceram-Me como o principal da sua vida; eles já foram provados e fazem agora parte de Mim e estão constantemente na Minha Divina Luz, em união com a Divindade.

E como tu própria o disseste, Minha filha, no tempo de Noé, os céus caíram em dilúvio, na Minha vinda. E agora, a terra será provada e posta em chamas pelo fogo; o Meu Dia é iminente e infelizes dos cadáveres, nesse Dia do Meu Regresso 3 . Infelizes também dos que tinham centrado as suas vidas nas coisas materiais, quando o Meu Dia vier; a Minha aparência será o fogo. Os Meus Passos já se fazem ouvir e as Minhas Pegadas são vistas por muitos. Enquanto Eu Me revelo àqueles que Me não tinham ainda reconhecido, enquanto, nestes tempos de graça, Eu Me tenho apresentado como Misericórdia e como uma Lâmpada, então, irei revelar-Me como um Fogo Devorador. Pois bem, alguém terá acreditado que Eu passarei despercebido? E acreditais ainda que o Mestre passará diante de vós sem retribuição alguma? É, pois, bom arrepender-se diariamente.

E tu, que és portadora da Minha semente, canta enquanto semeias, Minha filha, não olhes para trás de ti. Como Eu to ensinei, a teologia é a contemplação para Comigo vosso Deus, é o vosso fundamento espiritual. Sobre este fundamento, diferentes níveis serão então construidos.

Um nível contém o Conhecimento de Deus; este Conhecimento de Deus é adquirido através da Sabedoria e não pelos livros. Sem a Luz do Espírito Santo, Deus não poderá ser conhecido por vós, mas ficará sempre escondido. Sim, este Conhecimento não é fruto do pensamento intelectual, mas é uma infusão divina, dada pela graça na alma, que foi transfigurada para amar.

Num outro nível, encontras a pobreza da alma; esta alma é portadora da Palavra porque, na sua pobreza, a alma possui-Me e o Meu Reino está nela. No nada de uma tal alma, só Eu existo 4 ; só Eu sou o seu Mestre, o seu Senhor e o seu tudo... E depois, sobre este mesmo fundamento espiritual, há outros níveis.

Há um nível em que se realiza a união Divina entre a criatura e o Criador. Prisioneira da Perfeita e Divina Beleza da Divindade, a alma sucumbe voluntariamente nesse ardente abraço de Deus. Por esta Divina conquista feita pelo Criador - porque a verdade é que é uma conquista e um triunfo - Eu invado a alma inteiramente e, com delícias, Eu revelo-lhe mesmo à justa, a fim de a não assustar, a Minha Santa Face. A alma, ao ver, embora numa luz atenuada, a Minha Santa Face, dá-se conta, neste seu despertar, de que não está longe dos confins do eterno e da visão beatífica. Atordoada e trémula por ter visto a Minha Glória e, consciente da brilhante luz que repentinamente a envolve, ela une-se voluntariamente e entrelaça-se Comigo, passando a ser uma Comigo, seu Deus e Criador... Nesta rendição total da alma, Eu, que sou o Doador de Luz, o Doador de Vida, o Doador de Amor e o Doador de todos os Dons, conduzo-a a todos estes Divinos enriquecimentos, enquanto Eu Próprio me dirigirei á sua alma em poesia e religião. Ah! Vassula, que não farei Eu então por esta alma! A Sabedoria será o seu companheiro quotidiano, a sua coroa de alegria.

Está escrito: "Toda a alma que teme o Senhor será reconhecida como uma esposa virgem" 5 , depois de ela mesma se ter abandonado, corpo e alma, a Mim seu Criador, e fazendo agora parte de Mim; Eu, então, como um Esposo que Se deleita na Sua esposa, tudo farei para que lhe não falte nada; começarei, no nível seguinte, por prover a sua alma tão empobrecida e, ao mesmo tempo, dar-lhe-ei um juramento a guardar - depois de a ter preparado de uma forma sublime - que consistirá em seguir o Esposo incondicionalmente, acompanhando-Me para onde quer que Eu for. Então, como um Esposo que ama a Sua esposa, Eu exprimirei o Meu Divino Amor, ornando a Minha esposa com as mais ricas jóias que se não poderão encontrar na terra, mas que vêm das reservas do Céu.

Na Minha união íntima, Eu ornamentá-la-ei de Mim Mesmo, revigorando assim a sua alma com uma mútua fidelidade e compreensão entre nós. De repente, todo o mundo terá desaparecido diante dos seus próprios olhos: ela encontrou a sua liberdade... encontrou o seu Deus... e neste voo em liberdade ela própria declarará: "Agora, o mundo é um exílio, eu não estou nele nem estou perto dele; a minha alma, Amoroso da humanidade, está mergulhada numa sede incessante das Vossas leis; agora, Bem-Amado da minha alma, eu estou pronta e o meu coração está disposto a seguir-Vos incondicionalmente". E Eu responderei: "Caminha Comigo e Eu Mesmo te conduzirei a Minhas regras de rectidão; Eu serei o teu Educador e ninguém mais; Eu ciciarei a teu ouvido a história de todas as coisas invisíveis e inacessíveis, que passarão no entanto a ser visíveis e acessíveis, através dos Divinos ensinamentos de teu Mestre; a palavra de Vida ser-te-á oferecida gratuitamente...".

Depois de ter sido educada com rectidão, Eu elevarei a tua alma ao nível seguinte; o nível a que, antes do teu nascimento, tinhas sido chamada, aquele em que o Espírito Santo te eleva com a Sua graça, para fazeres parte do Meu Plano Salvífico, e faz de ti um apóstolo; Eu Mesmo te mostrarei, a este nível, o caminho que Eu tomei para a Minha Paixão; uma vez que Me irás servir, irás servir-Me com paixão; enviar-te-ei a patrulhar o mundo para proclamar a Verdade; pedir-te-ei que cristianizes esta geração descristianizada e que destruas a torre de Babel, levando todos os apóstatas que aí se encontrem, que adoravam Baal, a arrepender-se. Tudo isto, tu o farás com a Minha Cruz numa das mãos e o rosário na outra...

E tu, Minha filha, enquanto és portadora da Minha semente, continua a semear vigorosamente. Acaso não sei Eu tudo o que tu dizes? Deixa-Me confiar-te isto: como torrentes de água, as Minhas Lágrimas incham-Me os Olhos por te ver a lutar no meio de ossadas ressequidas e dispersas. Como um pai, que visse esta bem triste imagem de sua descendência e sofresse, também Eu, como um Pai, sofro por ti. Esta imagem aflige-Me, quando vejo a filha que Eu Mesmo elevei nas Minhas Cortes Reais ser atormentada 6 pelos mortos no vale da morte; a tua herança está na terra dos vivos, mas Eu criei-te e instruí--te com a santa Sabedoria para que ensines à humanidade, desde o início, os Meus actos de poder e a glória majestosa da Minha Soberania!, para lhes lembrar que Eu ajo apenas por Amor e Misericórdia. Nesta matéria, cada golpe de chicote que se abate sobre esta geração não é nada mais que a repreensão da Misericórdia.

- Senhor, está escrito
que Vos basta apenas querer
e o Vosso poder está nisso...

- Está também escrito que, depois do pecado, Eu concederei o arrependimento. Pela Minha grande benevolência, Eu coloquei o remédio salutar do arrependimento no coração renovado que Me mostrar grande fervor e grande veracidade, durante o seu arrependimento. Com efeito, cada um encontra o tesouro da sua intimidade Comigo, logo que este acto humilde se realiza. Pelo tesouro da intimidade, eles mesmos descobrem a Minha amizade. Quanto mais sincero é o arrependimento, tanto maior é a Minha amizade. Cada palavra pronunciada com veracidade atrai para mais perto a Minha amizade, porque a Minha amizade é sempre proporcional ao seu arrependimento. Está escrito: "Os meus lábios invocaram-n'O e louvei-O com a minha língua. Se eu planeasse a iniquidade no coração, o Senhor não me teria ouvido. Mas Deus ouviu-me, atendeu a voz da minha súplica..." 7 .

Aquele que deseja a salvação sentirá a necessidade de se arrepender, e Eu ouvirei o seu arrependimento. O salário pago pelo pecado é a morte. O pecado é semelhante a um veneno em vós e, quanto mais tempo ele permanece em vós tanto mais doentes ficais, atirando-vos assim para mais perto da morte. Quanto mais tardais em vos purificar dele, tanto mais vos arriscais a morrer. Podereis ser libertos e curados do veneno do pecado, se vos humilhardes a vós mesmos e vos derdes conta de que o único remédio para purificar os vossos pecado é passardes pelo arrependimento.

Dizei-Me: qual de vós arriscaria a sua vida, quando descobriu que engoliu um veneno e acabaria por ficar inerte, sem nada fazer? Para serdes curados desse veneno mortal, devereis baixar as vossas cabeças e admitir que sois pecadores, oferecendo-Me o vosso arrependimento; então, toda a amargura do veneno será purificada, inclusa a própria serpente que alimentáveis no interior das vossas próprias entranhas, durante toda a vossa vida 8 ; e, uma vez libertos, Eu Mesmo substituirei esses males pela Minha doçura... Sim, uma vez esses males fora, vós curar-vos-eis e, uma vez curados, não mais sereis estranhos à Minha Lei. Voltareis voluntariamente as costas ao mundo porque, diante de vós, vereis a Minha Glória e o Meu Esplendor. A vista de Minha irradiante Presença resplandecerá em vós, por dentro e por fora.

Está escrito: "Vós estáveis mortos pelos delitos e pecados em que vivestes outrora, segundo o costume deste mundo, de acordo com o Príncipe das potestades do ar 9 , do espírito que actua nos rebeldes..." 10 . Mas agora, depois do teu arrependimento, e pala graça que te é mostrada, Eu Mesmo te conduzi à vida em Mim... Eu Próprio te revelarei então, nos Meus sorrisos, o caminho da vida. Tu não mais caminharás sobre carvões ardentes, mas sobre safiras. O Deus que tu julgavas outrora inexprimível e inacessível, te dará uma alegria ilimitada no teu coração, enquanto Ele Próprio te exprimirá a Sua Alegria: "Outrora, estavas como um campo em que nada crescia senão sarças e cardos, praticamente inabitado e maldito; mas agora, Comigo, serás como um campo de Minha escolha, irrigado pelas fontes do Espírito Santo e darás as ceifas que Me são aceitáveis" 11 .

Como Eu o disse outrora, reconhecer-Me é a virtude perfeita. Hoje, o mundo não tem nenhum lugar para Mim e o Meu lugar é ocupado por escórias. Os rebeldes e os pecadores rondam por toda a parte, e os seus actos e palavras afrontam a Minha Santidade Trina. Na sua insolência, eles pensam que o Meu lugar deve ser ocupado, de um lado, por uma espécie de auto-realização e, do outro,por uma avidez em realizar unicamente o mal, recusando-se, na sua insolência, a reconhecer a minha gloriosa Presença. Em lugar disso, o mundo avança pelo seu próprio caminho e glorifica-se a si mesmo, louvando e honrando as suas próprias realizações, zombando de Deus... Eles crêem que sabem tudo mas, na realidade, não sabem nada. Na medida em que Me não reconhecem pelas boas coisas que estão ao seu redor, e na medida em que Me não descobriram, nessa mesma medida ficarão inertes como cadáveres... As gentes dos vossos dias andam à procura de falsos deuses 12 , seguindo toda a espécie de sistemas pagãos 13 , para obter o conhecimento e o poder, pensam eles. E então, o mundo é mais encantador do que nunca pela beleza dos cristais, pela beleza das folhas, elementos que eles colocam acima da Minha Omnipotência, pois eles mesmos dirigem os seus pedidos a tais poderes de cura em lugar do poder gratuito e curativo do Meu Espírito Santo. Se estão assim tão impressionados com o seu aspecto 14 , que eles mesmos concluam e reconheçam quanto mais poderoso não será Aquele Que formou os cristais, as folhas e o que se lhes assemelhe, quanto mais poderoso do que todos eles não será o seu próprio Autor! Mesmo que estes 15 estejam na realidade à procura da Minha Presença, e na sua avidez se tenham tornado uma presa do Enganador e se tenham desgarrado, mesmo assim, eles próprios não estão sem pecado, são culpados da sua insuficiência. Se são capazes de estudar as energias, o seu conteúdo, o mundo e o cosmos, como é possível que tenham sido tão lentos em encontrar o Autor e Senhor de tudo isso? Mas Satanás engana o mundo uma vez mais com a própria mentira com que enganou Eva: que também eles podem ser Deus 16 e que, por isso, eles mesmos são auto-suficientes e não têm necessidade alguma de Mim...

(Então, o Pai virou-Se para mim e disse:)

Eu renovarei a tua boca, Vassula, para gravares todas as Minhas Palavras e contares todas as Minhas maravilhas. Dá-te conta de como Eu, Javé, Me inclinei para ti, do alto para baixo, assim como para cada um dos que Me prestaram ouvidos, com majestade e esplendor. Eu queria reavivar a fé desta geração, curando o vosso estado tão deplorável com ternura e compaixão. Que também as tuas mãos sejam renovadas, para abençoares em Meu Nome; que a tua mão direita, que Eu Mesmo abençoei, seja o orgão de Minha Casa, o instrumento de música pelo qual muitos ouvirão o som de Minhas Palavras. Toca música em Meu Nome e canta com alegria à sombra de Minhas asas. Ah! Vassula, e depois, que os teus ouvidos sejam renovados, para ouvires a Sabedoria pronunciar os Seus provérbios, santificando-te enquanto escutas, pronunciando o discernimento e o conhecimento do Deus Trino. Minha cidadela, querida do Meu Coração, mantém-te leal a Mim e a Minha graça continuará a estar sobre ti. Lembra-te da tua origem... O brilho da Minha Majestade está sobre ti. Coragem! Não tenhas medo.

(Esta mensagem só terminou no dia 7 de Agosto de 2002)


1 Sl 68,19.
2 É agora Cristo que fala.
3 Este "Regresso" não é a Parusia, mas o "Dia do Senhor" deve ser compreendido como um juizo menor, antes do Dia do Juizo, é uma espécie de Purificação para um Renovamento; já começou, mas por pequenas fases.
4 "Eu existo" significa "Eu habito".
5 Cf. Si 15, 1-2.
6 Em inglês "plagued" (n.d.t.f.).
7 Sl 66, 17-19.
8 Todo este simbolismo de "veneno" e de "serpente" em nós e a purificação pelo arrependimento, lembra-me o possesso que, no momento da sua libertação, vomitou pregos, pedaços de vidro e fios de ferro e toda a espécie de outras coisas.
9 Satanás.
10 Ef 2, 1-2.
11 Cf. Hb 6, 7-8.
12 As falsas religiões.
13 Como os exercícios bio-energéticos...
14 Os cristais, as folhas, etc..
15 As pessoas.
16 2 The 2,4.

 

Listagem Cronológica
Uma Lista Completa das Mensagens em Ordem Cronológica
 

Listagem Alfabética
Uma Lista Completa das Mensagens em Ordem Alfabética
 

Pesquisa nas Mensagens
Pesquise no texto das Mensagens
 

Mensagem Aleatória
Selecione uma Mensagem Aleatóriamente
 

Meu Anjo Daniel
O amanhecer das mensagens. Vassula conversa com seu anjo da guarda Daniel
 

Manuscrito Original das Mensagens
O Manuscrito original das Mensagens online
 

Livro Online
As Mensagens agora estão disponíveis para leitura como um livro online
 

 



Pesquisa Rápida

© Vassula Rydén 1986 Todos Direitos Reservados
X
Enter search words below and click the 'Search' button. Words must be separated by a space only.
 

EXAMPLE: "Jesus Christ" AND saviour
 
 
OR, enter date to go directly to a Message