DHTML Menu By Milonic JavaScript

Português » As Mensagens »

Sê Um Arauto E Um Apóstolo Da Nossa Deidade Trinitária

19 de Outubro de 1998

- Senhor, ajudai-me em tudo,
ajudai-me a fazer reparação
pelo Vosso povo,
pela Vossa Igreja,
a oferecer sacrifícios, orações
que se elevarão como o incenso para o céu,
e serão como um perfume
que acalma o Pai,
um óleo santo para o Filho
e uma consagração para o Espírito Santo.

Ó Santíssima Trindade,
floreado da minha alma,
soberba ornamentação do meu coração,
insígnia do meu espírito,
som da minha voz,
sentinela do meu ser,
que mais poderei eu dizer
e não sentir que sou breve?

- Sós 1 , Nós temos sitiado o Nosso território - pela Nossa única Substância e único Poder e único Conhecimento, Nós somos um só e único Deus - sim, com uma só Vontade e um só Domínio, Nós sitiamos a Nossa propriedade 2 , para lhe dar uma língua de discípulo, ungindo a Nossa Obra 3 Divina.

Com o Nosso Poder, Nós derramamo-Nos a Nós Mesmos em ti como um líquido vivificador. Como o sol a brilhar na primavera, Nós temos brilhado em ti, fortificando a Nossa cidade e santuário 4 , antes que os teus opressores te maltratassem. Pelo Nosso Conhecimento Nós aparecemos-te, comunicando-Nos a ti, instruindo-te - e através de ti, os outros - sobre o conhecimento que receberam os sábios, festa 5 da Nossa Misericórdia. Com júbilo da Nossa Santidade Trinitária, enraíza-te na Nossa Vontade e sê um fio de incenso no verão, para continuares a manifestar a Verdade e a dar uma melhor explicação da Revelação que te é dada. Nós queremos inundar-te com a Nossa Luz, para uma melhor compreensão da Nossa Palavra, imprimindo a Nossa Imagem Divina em cada palavra que te é dada. A Nossa Majestade suprirá tudo o que te falta. "Por conseguinte, como uma oliveira carregada de frutos, como um vaso de ouro martelado, incrustado de toda a espécie de pedras preciosas" 6 , tu mesma repararás com dignidade, nesta hora de dolorosa apostasia, e como cantores a cantar hinos de louvor, a tua débil voz advogará junto de Nós, com os Nossos próprios termos, com a Nossa compreensão e pela Nossa Vontade.

Pela Nossa munificência real, e com este Nosso abraço, Nós Mesmos dotamos o teu coração de Sabedoria, a fim de que Ela possa ser transmitida a esta geração e que eles possam aproveitar-se d'Ela. Por isso, pequena, continua a caminhar pelo caminho coberto de safiras para ti, e sê um arauto e um apóstolo da Nossa Deidade Trinitária. Semeia cada país, a fim de que o Nosso Reino se estenda de mar em mar. As montanhas e as colinas inclinar-se-ão profundamente, perante a Nossa Justiça salvadora e, com o Nosso Poder, chamaremos à existência, tanto as coisas que não são 7 como as que são.

8 Eu sou a Vida e a Ressurreição que leva os mortos à vida. Continua -Me devota e floresce. Nunca te aflijas. Sê como a rosa que cresce na margem de um curso de água; abençoada sejas e exala, para o teu Salvador, um doce aroma como o incenso, derramando o teu perfume, com o Meu, na Minha Casa, levando os Meus familiares à conversão e a um só coração. Eu Mesmo te protegerei da fúria e da inveja. Diz: "Todas as obras do Senhor são boas e Ele Próprio atenderá o teu desejo em tempo oportuno"9 . Sim, louva as Minhas Obras e, deste modo, sê o Meu Paraíso, Paraskévi Mou 10 .

- Ó Senhor,
fazei que eu conserve no espírito
as Vossas Instruções
e não deixeis que o esquecimento
se apodere do melhor, em mim!
Firmai o meu pé, Glorioso Senhor,
e mantende-me desperta
e ao Vosso serviço...

- Minha filha, a Sabedoria brilhou na tua alma como doce chama, revelando-te sem cessar os Nossos segredos, como também a Nós Mesmos, de tal forma que isso possa reavivar esta geração, revigorando-a, para que cresça no Nosso esplendor e se torne digna de entrar no Paraíso. Por Nossa própria e livre Vontade, na Nossa Glória Trina, foi-Nos agradável dar-te a Nossa amizade íntima e derramar abundantemente em ti torrentes de delícias e de consolações.

Nós Mesmos te revelamos algo que foi esquecido pela Minha Igreja: esta doçura transbordante, sim!, a divina doçura de Deus Todo-Poderoso, doçura que atrai miríades de Anjos ao redor do Meu Trono, inúmeras almas a adorar-Me e a deleitar-se com este banquete celeste. Pela Nossa inefável doçura, Nós abraçamos todo o Céu.

A Minha Igreja esqueceu-Me, sim, e desprezou-Me; a Minha Própria Esposa... fica nua, e não mostra interesse algum pela Minha Divina Doçura.

"Como é possível, Minha Esposa, que Me vires as costas, justamente quando Eu te abro o Meu Coração, para conversar contigo? O Meu Coração está cheio de uma inefável doçura. Ah! Mas tu não compreendeste aquilo que atrai a Mim a Minha Criação..."

Minha companheira íntima, desvia os teus olhos daquilo que te rodeia, e fixa os teus olhos, o teu espírito e a tua alma numa santa contemplação do Meu Coração, e permite-Me que continue contigo a nossa doce e íntima conversação. Uma vida generosamente consumida por Mim, por tua própria e livre vontade, seduz-Me, a Mim teu Divino Companheiro. Uma vida que sofreu insultos e calúnias por causa de Mim, comove-Me até ás lágrimas. Alegria-de-Meu-Coração, tu ainda não compreendeste bem como, pelo Meu fervoroso amor que tenho por ti, Eu Próprio Me junto a ti inseparavelmente, a fim de que tu passes a ser um só espírito Comigo. Por conseguinte, continua na Minha Paz. O Meu fiel Amor jamais te deixará.

- Ah! Meu Rei,
o meu coração está comovido
com o Vosso nobre tema,
inebriado, sempre que
Vós Mesmo Vos dirigis a mim;
a Graça
11 está em mim
como um orvalho,
a cobrir-me com a Sua sombra
pelo Seu poderoso abraço;
a minha fortaleza é o próprio Deus,
o Deus que me ama fielmente.

- Vês, Meu amor, toda a estrutura identificada Comigo, cresce em santidade e em pureza, pela Minha Divindade. Por isso, tu, Minha Vassula, em Mim, és formada pelo Espírito num vaso santo em que Eu sou contido, um puro e santo domínio da Nossa Santidade Trina, no qual Nós podemos contemplar-Nos a Nós Mesmos. Por isso, alegra-te e sê feliz diante do teu Esposo, que é o mais generoso que nunca para contigo. Mantém-te irrepreensível e Eu nunca te faltarei. Agora, alegria-de-Meu-Coração, podes virar-te para as tuas demais tarefas. Recebe, de teu Salvador, o Seu Beijo de Amor Divino na tua fronte. Eu, Jesus Cristo, abençôo-te.

ic.


1 Pela Sua Livre Vontade, a Santíssima e Divina Trindade fez-me Sua e veio habitar em mim, porque Ela e ninguém mais o decidiu.

2 Trata-se de mim.

3 Tendo-me criado.

4 Nós somos a cidade e o santuário de Deus, que habita em nós.

5 Foi a mim que Deus chamou "festa".

6 Si 50, 10 e 9.

7 Isto é, levar esta geração a uma Ressurreição espiritual.

8 Depois, é só Jesus que fala.

9 Si 39,33.

10 "Ma Paraskèvi", em grego

11 Deus.

 

Listagem Cronológica
Uma Lista Completa das Mensagens em Ordem Cronológica
 

Listagem Alfabética
Uma Lista Completa das Mensagens em Ordem Alfabética
 

Pesquisa nas Mensagens
Pesquise no texto das Mensagens
 

Mensagem Aleatória
Selecione uma Mensagem Aleatóriamente
 

Meu Anjo Daniel
O amanhecer das mensagens. Vassula conversa com seu anjo da guarda Daniel
 

Manuscrito Original das Mensagens
O Manuscrito original das Mensagens online
 

Livro Online
As Mensagens agora estão disponíveis para leitura como um livro online
 

 



Pesquisa Rápida

© Vassula Rydén 1986 Todos Direitos Reservados
X
Enter search words below and click the 'Search' button. Words must be separated by a space only.
 

EXAMPLE: "Jesus Christ" AND saviour
 
 
OR, enter date to go directly to a Message