RETURNAR AO SITE:http://www.tlig.org/pt/testimonies/christian/catholic/ocarroll1/TAMANHO DA LETRA: NORMAL - GRANDE

Português » Testemunhos » Clérigos Cristãos, Religiosos, Teólogos e Estudiosos » Católicos Romanos » Pe. Michael O´Carroll »

 

Pe. Michael O´Carroll CSSp

Pe. Michael O'Carroll, conselheiro espiritual de Vassula por muitos anos, viajou muito com ela em suas missões de palestras. É renomado teólogo e membro da Pontifícia Academia Mariana. Lançou a seguinte declaração no início de 1997, depois de ter que renunciar ao seu papel de viajante.

Desejo que o meu apoio a Vassula Ryden seja conhecido, como já é evidente nos dois livros que escrevi: Vassula da Paixão do Sagrado Coração e  Portadora da Luz e um terceiro em preparação que é: Vassula: Apóstola da Santíssima Trindade . Não é necessário acrescentar nada a esta afirmação, mas quero deixar claro que este sacerdote, que foi seu conselheiro até agora, deseja que qualquer ouvinte seja liberado de qualquer suspeita ou dúvida de qualquer tipo sobre minha crença na divina origem das mensagens dadas a Vassula.

Essa questão foi discutida e uma conclusão afirmativa amplamente expressa por teólogos do mundo todo na América do Norte e do Sul, tão distantes quanto o Japão, e muitos na Europa. E tenho o prazer de afirmar que estou em total concordância com todos aqueles que expressaram sua fidelidade, sua fé nas mensagens, expressando isso à mais alta autoridade disponível; isto é, ao Cardeal Prefeito da Congregação da Doutrina da Fé, Cardeal Ratzinger, que finalmente, após muitas cartas lhe terem sido enviadas, fez uma declaração importante aos nossos amigos em Guadalajara que nos asseguraram que estão preparados para depor sob juramento o que ele havia dito a eles, e cito as palavras essenciais de sua mensagem: "Você pode continuar a promover seus escritos ..."

Isto, parece-me, é uma prova suficiente e desejo afirmar a minha total aceitação desta posição que não compromete de forma alguma o meu apego à Santa Sé. Sou conhecido como defensor do papado.

Quando encontrei o papa atual em 29 de novembro de 1995, pedi-lhe uma bênção para Vassula. Eu já havia oferecido a ele meus dois livros sobre ele, um sobre suas origens polonesas e um sobre sua vida e ensinamentos e eu lhe assegurei: "Eu sou seu defensor". A isso ele respondeu: "Há muitos inimigos".

Ele me deu então uma bênção, a meu pedido, para Vassula. Sabe-se também que quando ele soube que havia representantes de nossos amigos espanhóis em uma audiência com ele em 11 de agosto de 1996, ele publicamente encorajou-os e pediu-lhes que continuassem a testemunhar o amor de Deus, como sabemos que é assim  lindamente expresso nas mensagens.

Eu acho que isso deve tranquilizar qualquer um que possa ser tentado a pensar que eu mudei minha opinião em relação às mensagens da Verdadeira Vida em Deus.

Padre Michael O´Carroll CSSp,
2 de January de 1997
Faculdade de Black Rock
Dublin, Irlanda