RETURNAR AO SITE:http://www.tlig.org/pt/spirituality/pilgrimages/egyptreport/egypt2/TAMANHO DA LETRA: NORMAL - GRANDE

Português » Espiritualidade » Peregrinações & Retiros » Peregrinação ao Egito, 2002 » Arrependimento »

 

Arrependimento

por Vassula

Egito, 21 a 31 de Outubro de 2002

Aqueles que lêem as mensagens de AVVD devem ter notado talvez que há algumas palavras que se destacam na mensagem inteira: por exemplo as palavras: amor, reconciliação, unidade, Espírito Santo, oração sem cessar, a Palavra de Deus, Sabedoria e a palavra arrependimento. Hoje, eu quero chamara a atenção de vocês para a palavra “arrependimento” e tentar analisar o seu verdadeiro significado. Mas, antes de iniciar permitam-me dizer algumas palavras sobre a oração sem cessar, porque depois de tudo é através do arrependimento que uma pessoa entra na oração sem cessar. Sabemos como Deus está nos pedindo para voltar a nossa vida para uma oração sem cessar.

A oração sem cessar é quando permitimos que Deus viva eternamente em nós e nós Nele. A oração sem cessar é quando o nosso espírito está completamente absorvido em Deus, e se torna sensível à presença de Deus. Nesses momentos não necessitamos mais de nenhuma palavra para expressar-nos a Deus, porque todo o nosso ser se torna uma chama viva. Inflamada de amor por Deus. Nestes momentos desta oração silenciosa, nosso espírito esquece do mundo e é arrebatado por este silêncio, desfrutando cada momento em que foi capturado por Deus.

Nossa vida, então, deverá girar somente em torno de Deus e do Divino Amor, porque o amor une a alma com Deus, e quanto mais poderoso o amor se torna mais profundamente a alma penetra nas profundezas de Deus e na vida da Sabedoria. Repentinamente, tudo começará a ficar claro para a alma, porque a Sabedoria será a sua companheira diária e, para o seu grande espanto, ela começará a ver as coisas que os olhos não podem ver e começará a ouvir coisas que nenhum ouvido pode escutar. A alma então estará tão entretida com o Criador e voltada em tão perfeita união de divino Amor com Deus, que o seu espírito se torna um com a Divindade. Ela possui Deus tanto quanto Deus a possui.

Uma alma não pode viver sem Deus, mas recebe sua vida de Deus. Sem Deus nossa mesa está vazia. É por isso que é importante dar espaço ao Espírito Santo para que Ele nos encha com a Sua Luz. Mas o Espírito Santo não virá sobre uma alma que está em falta pelo pecado, nem pode tão pouco construir o Seu caminho numa alma astuciosa. Portanto, é preciso o arrependimento para purificar a alma. Arrependimento, diz Deus, é a porta que leva as almas para dentro do pátio da contemplação, e das trevas para a luz. Arrependimento é um ato de humildade e quanto mais humilde se consiga ser, mais facilmente o Espírito Santo encontrará Seu caminho naquela alma.Portanto, o arrependimento deve ser um estado permanente na nossa vida que nos possibilite chegar ao estado permanente de contemplação e união com Deus, que é a oração incessante, como foi descrita anteriormente.

Sem lágrimas nosso coração permanecerá duro como uma pedra e nunca será capaz de alcançar a humildade espiritual. Aquele que não está disposto a aceitar o arrependimento nunca estará unido ao Espírito Santo e nunca conhecerá Deus nem O entenderá.

Todos aqueles que desejam a salvação devem sentir a necessidade de arrepender-se e Deus escutará o seu arrependimento. Quão grande seja a sinceridade do arrependimento, tanto maior será a amizade de Deus. O arrependimento não é uma ação de uma única vez. Como nos é pedido que voltemos nossas vidas para uma oração incessante, da mesma forma acontece com o arrependimento. Deus nos pede que a nossa vida se volte para um incessante arrependimento. Deus diz que cada palavra que é dirigida a Ele na verdade atrai Sua amizade para mais perto, pois Sua amizade acontece em proporção ao arrependimento que Lhe é dirigido. Os frutos reunidos após o arrependimento são o amor e a serenidade. "Pequenos pecados ou grandes pecados, todos são pecados aos Meus Olhos," disse Deus uma vez. E em outra mensagem Ele acrescentou: "O pecado é semelhante a um veneno dentro de você e quanto mais tempo ele permanecer dentro de você mais doente você se torna, levando você para mais perto da morte. Quanto mais você demora em expulsá-lo do seu organismo, mais você corre o risco de morrer. Você pode se libertar e se curar do veneno do pecado se você se humilhar e tomar consciência de que o único remédio para purificar os seus pecados é através do arrependimento."

Dizei-Me: quem de vocês arriscaria a sua vida tendo descoberto que ingeriu veneno e ficaria inerte e não faria nada para isso? Para se curar dessa poção mortal você deve baixar a sua cabeça e admitir que é um pecador oferecendo-Me o seu arrependimento, então, todo o amargor do veneno será expelido, inclusive a própria serpente, que você esteve alimentando no interior das suas entranhas durante toda a vida: e, tendo sido libertados, Eu substituirei aquelas males pela Minha doçura... sim, uma vez eliminados aqueles males, vocês se renovarão, e uma vez renovados vocês não serão como um forasteiro para a Minha Lei. Voluntariamente vocês voltarão as costas para o mundo porque diante de vocês verão a Minha Glória e o Meu Esplendor; a visão da Minha radiante Presença estará brilhando dentro e fora de vocês."

Hoje Deus está nos dando abundantes oportunidades de retornar para Ele pelas graças que Ele derrama sobre nós nos nossos tempos tão miseráveis e patéticos. Através das graças que nos são ofertadas, Deus nos levará para uma verdadeira vida n'Ele... Aprendemos que devemos fazer as pazes com Deus que nos leva a fazer as pazes especialmente com o nosso próximo. Até agora, como não fazemos as pazes com Deus, estaremos ainda caminhando sobre brasas ardentes e não com Deus, estaremos continuamente transgredindo a Lei do Amor que Deus nos deu e continuaremos a viver como rebeldes que se tornaram estranhos a Deus. Então, procuremos estar num permanente estado de oração e arrependimento, repetindo aquelas palavras no nosso coração: “Jesus Cristo, Filho de Deus, tende piedade de mim que sou um pecador...”