INÍCIOÍNDICEPESQUISA
A TERRA SERÁ SACUDIDA E VACILARÁ NOS
SEUS PRÓPRIOS FUNDAMENTOS

A UNIÃO É MAL ACOLHIDA, COMO É MAL ACOLHIDO O AMOR

18 de Fevereiro de 1993


- Senhor, por quanto tempo ainda lhes 1 permitireis que Vos provoquem?

- Na próxima vez que lhes falar, Eu provocarei uma tempestade!

- Eles zombam dos Vossos conselhos, no Centro Ecumênico
2 , levantaram-se e saíram, no meio da reunião. E, como sabeis, aqueles que se opunham mais firmemente, no Conselho Ecumênico das Igrejas, aqueles que não querem a minha presença lá, e tão pouco a reunião, eram justamente os meus!

- Mas Eu, o Vencedor, fá-los-ei dobrar em duplicado... Vês, Vassula-da-Minha-Paixão, tem a Minha Paz. Não procures nada, para além de Mim! Alma-da-Minha-Paixão, vai para o meio das nações e deixa-Me, a Mim, as oposições.

Aqueles que se opõem a Mim, Eu Mesmo os tirarei dos seus Tronos e os dobrarei em duplicado. Tem confiança em Mim. Vai pelas nações e lembra a todos o Meu Amor e que Jesus significa Salvador, Redentor, e que a imensidão do Meu Amor por vós ultrapassa tudo... Não olhes, nem para a esquerda nem para a direita; lembra-te de como, apanhada pela tua miséria, Meu Pai te deu a Sua Paz, a fim de que transmitas a todos essa mesma Paz. Meu Pai, comovido pela tua espantosa fraqueza revelou-te o Seu Santo Rosto e, por meio de ti, a todos os outros.

O Meu Espírito Santo, seduzido pela tua nulidade, triunfou em ti, colocando o Seu Trono em ti, para reinar na tua alma. E Eu enchi a tua alma com as Riquezas do Meu Sagrado Coração.

Depressa, bem-amada da Minha Alma, um pano branco te cobrirá e Eu Mesmo te envolverei no Meu Coração, absorvendo-te na Minha Luz. Deste modo, filha-da-Minha-Paixão-Ardente, permite-Me que Me sirva da tua mãozinha, ainda por um pouco; escreve:

Eu saí do Céu para vos atingir, mas ter-Me-eis escutado? Eu desci do Meu Trono para vir até ao vosso quarto, para vos cortejar e vos recordar que sois os herdeiros do Meu Reino. Eu saída Minha Morada e tomei o caminho do deserto, à vossa procura. O Mestre dos Céus não vos recusou o Seu Amor. Nunca! Criação, consenti aos teus olhos que contemplassem o teu Rei, na Sua Beleza, para te atrair. Para honrar o Meu Nome, Eu Mesmo ressuscitei os mortos, para que te preguem o Meu Reino. E onde está a tua resposta?

E vós, que falais de União, pensais que vos unirão palavras vazias? Quem de vós está disposto a sacrificar os seus aguilhões para Me seguir? Dizei-Me: Qual de vós será o primeiro a pôr fim à Minha Agonia e aos Meus Lamentos pela União e pela Paz, antes que venha a Hora, essa Hora que faz tremer todos os Meus Anjos? De entre todos vós, qual a alma que semeará as nações com as Minhas sementes de Amor e de Paz? Quem, pela Minha Causa, seguirá fielmente a Luz, invocando o Meu Nome, dia e noite? De entre todos vós, qual será o primeiro a pôr os pés nas Pegadas sangrentas dos Meus Próprios Passos? Procurais-Me sinceramente? Vede: aproximam-se os Dias em que Eu Me apresso a vir com o Fulgor e com o Fogo; mas, com grande espanto Meu, encontrarei muitos de vós inconscientes e em profundo sono! Criação, Eu envio-te mensageiro após mensageiro, para penetrar a tua surdez, mas agora sinto-Me cansado pela tua resistência e pela tua apatia; mais que nunca, sinto-Me cansado da tua frieza. Eu estou cansado da tua arrogância e da tua inflexibilidade, sempre que se trata de vos reunir para a União. Tu encheste, e agora fazes mesmo transbordar a Taça do Espanto.

Intoxicados pela vossa própria voz, oponde-vos à Minha Voz; mas não será sempre assim: depressa caireis, uma vez que, pelos engenhosos absurdos da vossa voz, vos tendes oposto à Minha Voz. Logicamente, a Minha Igreja está em ruínas, por causa da vossa divisão. Por falta de fé, não pondes em prática os Meus Conselhos, como também não pondes em prática os Meus Desejos; mas o vosso coração, Eu Próprio vo-lo mostrarei, a vós e ao mundo inteiro; mostrarei como, em segredo, projetais destruir a Minha Lei.

3 O sexto selo está prestes a ser aberto (Ap 6,12) e vós sereis todos mergulhados na escuridão e não haverá mais qualquer iluminação, pois o fumo, saindo do Abismo, será como o fumo de uma grande fornalha que escurecerá o sol e a atmosfera (Ap 9, 2). E, pela Minha Taça de Justiça, far-vos-ei semelhantes a serpentes e víboras. Eu far-vos-ei caminhar sobre o vosso próprio ventre e comer o pó (Gn 3, 14), nesses dias de escuridão.

Eu Mesmo vos esmagarei contra o solo, para vos lembrar que não sois melhores que as cobras, sufocareis e asfixiar-vos-eis nos vossos pecados. Na Minha Ira, Eu vos calcarei; no Meu Furor, tratar-vos-ei com o maior desprezo.

Vedes? Os Meus quatro Anjos estão agora em ansiedade, ao redor do Meu Trono, na expectativa das Minhas Ordens. Quando ouvirdes o ruído do trovão e o clarão do relâmpago, sabei que é chegada a Hora da Minha Justiça. A terra será sacudida e, como estrela cadente, vacilará nos seus próprios fundamentos
(Is 13, 13) removendo do seu lugar montanhas e ilhas. Serão aniquiladas nações inteiras. O céu retirar-se-á como algo que se enrola (Ap 6, 14), como tu próprio o viste, na visão, Minha filha 4 .

Uma grande agonia atingirá todos os habitantes da terra e ai dos incrédulos! Escuta-Me: e se os homens, hoje, te dizem: "Ah! Mas o Vivo terá compaixão de
nós; as tuas profecias não vêm de Deus, mas da tua própria mente", diz-lhes: Embora vos considerem seres vivos, vós estais mortos; a vossa própria incredulidade vos condena; uma vez que vos tendes recusado a acreditar no Meu tempo de Misericórdia e tendes proibido à Minha Voz que se difunda, através dos Meus porta-vozes, para advertir e salvar as Minhas criaturas, vós morrereis igualmente, com os perversos.

Quando chegar a Hora das Trevas, Eu vos mostrarei o vosso próprio íntimo; apresentar-vos-ei a vossa alma, em todos os seus aspectos; e, quando virdes a vossa alma, negra como o carvão, não apenas sentireis uma angústia como nunca, mas, uma dor atroz, batereis no peito, dizendo que o vosso próprio negro é de um tamanho bem maior que as trevas que vos rodeiam...

Quanto a ti
5 ...

Deste modo, Eu Próprio mostrarei às nações a Minha Justiça e todas as nações sentirão o Meu veredicto, quando chegar essa Hora. Eu tornarei a vida humana mais rara que nunca. Entretanto, quando a Minha Ira for aplacada, instalarei o Meu Trono em cada um de vós e, juntos, a uma só voz, num só coração e numa única linguagem, louvar-Me-eis, a Mim, o Cordeiro.

Vassula, por hoje, basta. Não estejas triste com o teu povo e, alma, não perturbes mais o teu coração. Eu Mesmo te mostrarei ao mundo como um sinal da União. Tu és contestada e rejeitada, mas agora sabes porquê: porque a União é mal acolhida, como é mal acolhido o amor, em muitos corações. Falta a sinceridade... Vem; nós?

- Sim, meu Senhor.





1 o clero ortodoxo grego
2 trata-se do Centro Ecumênico do México, onde fora convidado para ter as Mensagens de Jesus sobre a União. Os representantes de diversas confissões estavam todos presentes. Contudo, os ortodoxos gregos, que chegaram atrasados, só ouviram as Mensagens de Jesus durante vinte minutos; depois, saíram, zangadíssimos
3 é com um tom , muito grave que Jesus diz aquilo que segue
4 no dia 21 de julho de 1990 (Cad. 44)
5 isto é apenas reservado a mim