INÍCIOÍNDICEPESQUISA
ONDE ESTÃO AS OFERTAS QUE ME DEVES?
VENHO A TODOS VÓS COM O MEU CORAÇÃO NA MÃO
A LÂMPADA DO TEU CORPO É O OLHO

14.2.1991


- A Paz esteja contigo. Flor, ama-Me. A santidade não se atinge apenas num dia. Abandona-te inteiramente a Mim; adora-Me e ama-Me. Eu farei o resto. Não durmas.

Alma, os teus pecados são numerosos e numerosas são também as chagas que tu Me infliges. Todas as vezes que tu pecas, o teu pecado repercute-se em Mim como um golpe, como uma chicotada ou como a ferida de um cravo no Meu Corpo.

Porquê, Vassula? Porquê? Eu, que te revelei o Meu Santo Rosto, revelei-te o Meu Rosto para ser batido? E mostrei-te a Chaga do Meu Coração para que tu O trespassasses ainda mais? Na terra, não se poderá encontrar ninguém mais miserável do que tu! Oh! Que miserável!

Agora, não te vás embora: senta-te e escuta aquilo que tenho a dizer-te. Se não tivesse sido a Minha Infinita Misericórdia, a Justiça do Pai ter-te-ia atingido e terias ficado imediatamente murcha. Acaso te ensinei Eu a pecar? Onde estão as ofertas que Me deves? Alma, onde estão os sacrifícios que Me tinhas prometido? Por que Me tens desprezado?

Estamos na Quaresma
1 . A Quaresma voltará a trazer-te a Minha Paixão; e, apesar disso, tu não estás ainda pronta, nem preparada. Saciei-te com Alimento Celeste, para que crescesses na Minha Luz e te tornasses um verdadeiro vaso de Luz; fiz-te Minha e, com Infinito Amor, levantei-te da fossa, para que te tornasses, para sempre, Minha esposa, na Minha Presença e na presença dos Meus Anjos; contudo, as tuas pálpebras, carregadas de sono, acabaram por levar a melhor.

Ó Minha Vassula! Se soubesses quanto Eu, o Senhor, te amo! Eu estou sedento de amor. Eu sei, Minha querida filha, que os tempos em que estás vivendo são maus; mas não te tornei Eu capaz de distinguir o bem do mal? E agora, o solo do Meu Território está de novo a ficar árido.

Diz-Me: Foi pelos teus esforços que viste a Luz? Não: fui Eu Mesmo que Me cansei
2 contigo. Para te manter na Minha Luz, derramei em ti Graça após Graça; não te tratei como os teus pecados mereciam, mas foste tratada, como nunca alma alguma o foi, até agora. Tenho-te dado Amor, em troca de apatia; Ternura, em troca de impiedade; Misericórdia, em troca de miséria. Sim, mostrei o Meu Santo Rosto ao pecado. Tratei-te, como as jóias 3 do Meu Coração. Vassula, Eu Mesmo pedi ao Pai por ti, para que Ele Se lembre do Meu Sacrifício e, assim, te poupe.

- Oh! Meu Deus! Eu não queria ferir-Vos e nem sequer irritar-Vos!

- Flor, Eu sou constante no Meu Afeto e o Meu Amor por ti é eterno. Aprende de Mim. Sê constante. Vem; quero-te perfeita, na Minha Presença! Quero que a tua alma seja como um jardim irrigado, coberto do Meu Orvalho e que exale um perfume delicado, a fim de que a Minha Alma Se deleite em ti. Vassula, estas disposta a fazer a Minha Vontade?

- Desejo fazer a Vossa Vontade; mas o que acontece é parecer-me estar sempre a fazer o contrário, Senhor...

- Eu ajudar-te-ei a levar por diante a Minha Obra. Deixa tudo nas Minhas Mãos. Ó Minha filha, tu estás sujeita ao pecado; mas vem a Mim, tira essas escamas dos teus olhos e repara para Quem está diante de ti... Eu Sou está face a face, contigo! Vê Quem te fala e te oferece o Seu Coração, na Sua Própria Mão. Queres o Coração do teu Deus? Toma-O: ofereço-t'O, alma. Estende as mãos, para receberes o Meu Coração.

- Não sou digna do Vosso Amor, Senhor...

- Eu sei; mas ninguém é digno do Meu Amor, e é justamente por isto que Eu hoje venho até vós: venho a todos vós, com o Meu Coração na Mão. Não O recuseis, dizendo: "Pequei".
Eu digo-vos: A Minha Grande Misericórdia já vos perdoou; vinde, pois, vinde e tomai conta deste Coração que vos ama. Não tereis vós já visto que a Minha Paciência é grande? Grande é também a Minha Compaixão. Vinde, e não adieis, de dia para dia. Minha filha, de ora em diante, Eu quero que tu sejas fiel às tuas convicções e sempre sincera Comigo. Concentra-te na Minha Santa Presença, que Eu jamais estou ausente. És tu que apagas a Luz nos teus olhos, pela terrível acumulação de pecados e de impurezas que a tua alma absorve, dia a dia, a ponto de ficares mesmo cega. A Lâmpada do teu corpo é o olho. Se o teu olho é são, também o teu corpo está cheio de Luz; mas se é doente, também o teu corpo fica envolvido em trevas (Lc 11, 34); e, nas tuas trevas, com a Luz dos teus olhos apagada, não poderás ver-Me; mas Eu, Eu nunca estou ausente.

Vassula, hoje, falei-te claramente, por Amor. Uma vez que tu és mais propensa à rebelião e ao pecado que àquilo que é santo, no Meu Amor ciumento, tomarei Eu a liberdade de te falar claramente. Não penses que o Meu Amor ciumento poderá ser facilmente posto de parte. Oh! Não... Se abro a Minha Boca, é para tua salvação que Eu falo, e não para te condenar. Por Meu Amor, permite-Me que te repreenda, de vez em quando.


1 Desde ontem, quarta-feira de cinzas
2 Jesus quer dizer que tem trabalhado em mim
3 As Jóias: as almas perfeitas