INÍCIOÍNDICEPESQUISA
FESTA DO SAGRADO CORAÇÃO
EU ANDO À PROCURA DO VOSSO CORAÇÃO

2.6.1989 - Festa do Sagrado Coração


- Sagrado Coração de Jesus?

- Eu Sou. Hoje, o Meu Sagrado Coração chama todas as nações a ouvir a Minha Voz: Eu sou o Amor; Eu sou a Paz; Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida. Não há outro Refúgio, para a salvação da vossa alma, a não ser o Meu Sagrado Coração. Minha filha, escreve Comigo a oração que Eu Mesmo te ditei, o ano passado:
Ó Sagrado Coração de Jesus,
ensinai-me os Vossos Caminhos;
Sagrado Coração de Jesus,
conduzi-me pelo Caminho da Integridade,
protegei-me do demônio,
e não me abandoneis à sua vontade;
Sagrado Coração de Jesus,
sede a Rocha que me abriga,
porque Vós sois o meu Refúgio;
fazei com que o Vosso Amor e a Vossa Paz
me dirijam e me guardem. Amém.

3.6.1989


- Sagrado Coração de Jesus, Vós derramais sobre nós uma torrente de bençãos. Sagrado Coração de Jesus, Vós sois Morada permanente, para os abandonados. A Vossa família encontrou em Vós uma Morada. Bendito seja Nosso Senhor, dia a dia, Ele que nos salva e nos conduz, um a um, ao Seu Sagrado Coração. Bendito seja Nosso Senhor, que carrega os nossos fardos e partilha os nossos sofrimentos. Senhor?

- Eu Sou. Sente a Minha Presença. Recolhe-te e ouve-Me. Escuta-Me:


Mensagem para a reunião de oração do dia 9 de Junho, na igreja do convento dos Capuchinhos, em Saint Maurice, Suíça:

- A Paz esteja com todos vós. Eu sou o Senhor, vosso Salvador e Aquele que procura o vosso coração. Eu sou Aquele que, incansavelmente, está atrás de cada porta e bate. Sou Aquele que vai ao encontro dos pecadores e Aquele que confunde os sábios. Eu sou Aquele que aumenta as Minhas Bençãos e vos prepara com doçura, para entrar na Minha Nova Jerusalém. Eu sou a Santíssima Trindade, Toda n'Um e O Mesmo que, com o Meu Plano de Salvação, vos prepara a todos para vos unir em Um Só Rebanho. Eu sou Aquele que retarda o crescimento das grandes árvores e permite às pequeninas que cresçam.

Não tenhais medo, bem-amados, porque Eu semearei, neste deserto, novas sementes de Amor e de Paz. Eu reavivarei o Meu Jardim, para que aqueles que são ímpios e malvados vejam e saibam que a Minha Mão Divina está posta em todos vós. Os corações de pedra compreenderão a Minha Misericórdia Infinita, e que Eu, o Santo, estou no meio de vós. Eu pego na vossa mão direita; senti a Minha Presença; não vos abandonarei; por conseguinte, não temais. Sim, Eu pegarei em cada um de vós pela mão e formar-vos-ei, a fim de que vos chameis filhos da Luz e sirvais A Justa Causa. Eu, o Senhor, disse, logo desde o princípio, que vos quero santos, como Eu sou Santo. Uma vez que Eu sou o vosso Deus e vós o Meu povo, deveis seguir a Minha Lei. A Minha Lei é uma Lei de Amor. Aprendei a amar-Me; aprendei a adorar-Me. Eu ando à procura do vosso coração. Não ouçais o mundo, ouvi o Meu Apelo de Amor, ouvi as Palpitações do Meu Coração. Cada Palpitação é um Apelo feito a uma alma. Vinde a Mim; vinde aos Meus Braços abertos; lançai-vos neste Meu Abraço; senti o Amor que Eu vos tenho; senti a Misericórdia que Eu tenho por todos vós! Conservai as Minhas Palavras com apreço e gravai-as no vosso coração. Não permitais que as Minhas Palavras sejam lançadas ao vento. Fixai os olhos em Mim e não deixeis que alguém os desvie de Mim. Tomai consciência das Graças que Eu vos ofereço, sempre que Eu, o Senhor, estou presente
1 .

Peço-vos solenemente a todos que confesseis as vossas culpas e que Me desejeis. O Meu Espírito de Graça derrama-Se sobre todos vós, a fim de vos fazer sair desse estado de letargia que assim cai tão pesadamente sobre vós e para vos reanimar, antes que o vosso corpo sofra a corrupção. Abri, pois, os ouvidos e ouvi-Me. Eu sei até que ponto a maior parte de vós agora está morta, muito embora todos vós julgueis que estais vivos; e isto acontece por causa da terrível resistência que vós fazeis em vos abandonar inteiramente a Mim. Tende confiança em Mim e não Me resistais. Abandonai-vos a Mim; rendei-vos, rendei-vos; permiti-Me, a Mim, vosso Deus, que seja o Raptor do vosso pequeno coração. Não tenhais medo; Eu sou Amor e o Amor deseja embelezar o vosso coração. Estai atentos às Minhas Palavras. Elas talvez vos pareçam simples; mas Eu sou um Deus de Simplicidade; Eu sou Manso e Humilde. Eu sei quantos de vós não deixais de pensar que Me repito; mas é porque as Minhas Palavras não penetram absolutamente nada em vós! Se Eu na realidade Me repito, é por causa da vossa letargia, por causa da vossa surdez, e simplesmente porque muitos não põem em prática as Minhas Palavras...

Eu venho com o Meu Coração na Mão, para vo-Lo oferecer. Venho oferecer-vos a Minha Paz e o Meu Amor. Venho de novo para vos unir a todos num só Rebanho.
Venho para ressuscitar esta era morta e convertê-la numa era viva.

Vinde louvar-Me, a Mim, o vosso Senhor, que Me inclino para vós, do Meu Trono Celeste, para vos atrair a Mim e para vos ressuscitar. Louvai-Me, vós, todos vós que esperais que o Meu Espírito de Graça desça sobre vós. Ide proclamar a Minha Retidão a todas as nações e que a Minha Mensagem atinja os confins da terra. Que todos ouçam os Meus Apelos de Amor. Alegrai-vos e sede felizes, agora, todos vós que tendes sede de Mim, porque Eu Mesmo vos saciarei. Enxugai as vossas lágrimas, todos vós que estais oprimidos dia e noite, porque Eu estou aqui justamente para vos consolar e para vos guardar. O Meu Sagrado Coração chama-vos a todos, para que venhais a Mim, na santidade. Apoiai-vos a Mim e Eu guiar-vos-ei para o Meu Sacrário, onde vos espero, dia e noite. Eu ofereço-Me a vós todos os dias: vinde, vinde receber-Me em santidade e pureza. Não Me ofendais; sede puros e santos, sempre que Me recebeis. Recolhei-vos e reconhecei a Minha Presença Real, na pequena Hóstia; fazei-Me sentir a vossa santidade e pureza. Oh! Se soubésseis que Graça Eu Mesmo vos ofereço!

Vinde, dai-Me prazer, meditando a Minha Mensagem; dai-Me prazer, vivendo a Minha Mensagem; dai-Me prazer, mudando a vossa vida.

Feliz o homem que medita naquilo que hoje lhe ofereço, perscruta o seu coração e examina a sua alma, porque Eu Mesmo o exaltarei. Felizes dos Meus padres, bispos e cardeais que vêm a Mim como o publicano
(Lc 18, 9-14), reconhecendo a sua culpa, uma vez que, nos seus corações, a Minha Palavra criará Raízes e prosperará. Farei, então, cair o véu dos seus olhos, para que possam ver e compreender, com o coração, que tudo quanto Eu necessito é Amor, Amor e Adoração. Mas, ai de Mim! Muitos desses ministros deixaram-se seduzir por Satanás!

E como poderei Eu suportar o seu formalismo e falsa humildade, se a verdade é que neles falta o Amor? Quantos deles se decidem a adorar-Me? Entre todos eles, qual será o primeiro a dar o exemplo a Meus filhos, vindo com o coração cheio de amor por Mim, a prostrar-se na Minha Santa Presença e a adorar-Me em silêncio? Bem-amados, tudo aquilo que Eu peço é o amor em santidade. Eu ando à procura do vosso coração. Vinde oferecer-Me o vosso coração e Eu inundá-lo-ei do meu Amor, para que, por vosso lado, também vós enchais o coração dos Meus filhos. Eu sou o vosso Altíssimo que vos pergunta simplesmente isto: Onde está o rebanho que vos foi confiado? O rebanho que era o objeto do vosso orgulho ou desvanecimento?

Purificai-vos, arrependei-vos e obedecei ao Vigário da Minha Igreja, João Paulo II, que vos não faz já falta nenhuma, mas de que, pelo contrário, fugis ou ignorais. Todos vós, que continuais ainda a troçar dele, ofendeis, mais que nunca, o Meu Sagrado Coração... Eu sinto-Me atraiçoado, e justamente pelos Meus. Por quanto tempo sereis ainda como um oásis enganador, para o Meu Rebanho? Uma ilusão, num deserto sem fim?

Irmãos, tudo aquilo que vos peço é o Amor. Vinde adorar-Me; não percais o vosso tempo, procurando-Me onde Eu não estou. Sede exemplo, para o Meu Rebanho. O AMOR espera-vos; vinde adorar-Me; vinde adorar-Me, a Mim, o vosso Deus e o vosso Rei. Regressai a Mim, Irmãos Meus, e Eu, o vosso Jesus, com o Meu Sagrado Coração, que palpita de Amor Eterno, terei piedade de vós. Lançarei no esquecimento os vossos pecados, sem jamais Me recordar de um sequer. Procurai-Me, onde, por Minha Misericórdia, Me podereis ainda encontrar
2 ; e virei, então, abrir os olhos aos cegos e os ouvidos àqueles que Eu Mesmo fiz surdos. Permitir-vos-ei, então, que vejais a Minha Luz e que ouçais e compreendais a Minha Palavra, para vos poderdes converter e para que possais louvar-Me, exaltar-Me e glorificar-Me, a Mim, o vosso Deus, do fundo do coração.

Eu, o Senhor, pouso a Minha Mão sobre a vossa cabeça e abençôo-vos a todos.

Sede um.


- Abençôo-te, Minha filha. Vem ouvir Minha Mãe.

Nossa Senhora:

- Minha flor, sente a Minha Presença. Amo-te; lembra-te de que Eu te defenderei, como uma leoa defende os seus pequeninos. Abençoada sejas e ouve a Minha Mensagem:

Mensagem para a reunião do dia 9 de Junho, em Saint Maurice, Suíça:

- Meus filhos, não resistais aos Apelos de Deus. Rendei-vos, apoiai-vos n'Ele e deixai que seja Ele a fazer com que o vosso coração se renda. Ouvi-O e fazei o que Ele vos disser. Eu sou a vossa Santa Mamã, que vos lembra a todos que a Palavra do Senhor é Vida, a Palavra do Senhor é Luz. Muitos de vós ouvis a Sua Súplica de Amor, mas logo que abandonais estes lugares, o mundo acaba por vos absorver e logo a Sua Súplica de Amor é esquecida. Na Minha Mensagem anterior, convidava-vos a todos a meditar e examinar a vossa consciência. Hoje, pergunto-vos: Por que razão tantos de vós, que tinheis ouvido a Minha Mensagem, voltais hoje para ouvir uma nova Mensagem, quando a anterior não foi ainda, nem meditada nem sequer relida? O Meu Coração Imaculado ama-vos a todos, queridos filhos, e é por esse motivo que hoje vos peço que volteis a ler a Minha Última Mensagem e que A ponhais em prática. Eu amo-vos a todos; não vos esqueçais nunca de que o Meu Coração Imaculado é Bálsamo para as vossas dores. Abençôo-vos a todos, em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

(Passagens da Sagrada Escritura que Jesus nos pede para ler e meditar: 1 Tm 4, 1-16; 6, 20-21; 2 Tm 2, 14-26; 3, 1-17).


1 neste momento, distraí-me. Jesus parou, dizendo-me: "Flor, domina a tua apatia". Pedi-Lhe que me ajudasse. Respondeu: "Agrada-Me, ouvindo-Me". Pedi-Lhe, uma vez mais, ajuda, antes de continuar o ditado
2 em cada Sacrário, neste tempo da Sua Misericórdia, que precede o da Sua Justiça