INÍCIOÍNDICEPESQUISA
EU, DEUS, EXISTO

30.9.1986


- A Paz esteja contigo, Minha filha.

- Por favor Jesus dai-me a Luz para que eu possa ouvir-Vos e escrever.

- Vassula, a oração não tem sentido, se as palavras não são sinceras.

Compreendi o meu erro. Tinha pedido este favor a Jesus sem amor, sem reflectir, sem o sentir verdadeiramente. Pedi-Lho de novo, mas pensando sinceramente cada uma das palavras, elevando a minha alma para Ele.

- Exprime-te sempre a sentir-Me, como agora mesmo o fizeste. Eu, Deus, ouço, ouço tudo! No teu pedido, Eu devo sentir o amor que brota do fundo da tua alma, que Me deseja, que Me ama e que pensa em cada uma das palavras que diz. Eu, Deus, existo e ouço tudo! Cada oração dita apenas com os lábios é tão vã como um grito numa sepultura. Lembra-te: Eu existo e ouço. Eu desejo que todos os Meus filhos trabalhem para Me dar alegria!