INÍCIOÍNDICEPESQUISA
OBEDIÊNCIA

29.1.1988


A noite passada, tive um sonho bem surpreendente sobre a minha morte. Estava a ponto de morrer, de pé, vacilante, e Jesus segurava-me. Fez-me pousar a cabeça sobre o Seu Ombro. Senti os Seus Cabelos desfiarem-se sobre a minha face direita; eram como na foto do Santo Sudário, tais como o Seu Suplício os havia reduzido. Jesus ajudava-me, murmurando-me palavras de conforto e alguns conselhos: a forma de me abandonar e permitir à minha alma que deixasse o corpo, enquanto Ele mesmo a acolhia. Parecia-me que me falava como um médico. Nada do que vi neste sonho era minimamente impressionante e não senti, por um instante que fosse, a mínima angústia.

- Vassula, Minha filha, Nós estamos juntos.

Era Jesus, com a Santíssima Virgem.

Minha flor, quando chegar a tua hora, Eu, o teu Ceifeiro, colher-te-ei e transplantar-te-ei no Meu Jardim de delícias. Aquilo que viste era apenas um reflexo da realidade. Agora, vem, arrepende-te, bem-amada. Eu ouço-te.

Arrependi-me e pedi perdão pelos meus pecados.

- Estás perdoada. Eu te ensinarei a pureza e como viver em santidade. Não peques mais.

A Santíssima Virgem:

- Sim, Vassula, ama a Deus com toda a tua alma, com todo o teu espírito e com todas as tuas forças. Ele ama-te infinitamente. Sim, filha, não esqueças o modo como Ele te libertou do mal. Ele não descansa nunca; vai de porta em porta, com o Coração na Mão, esperando, desejando que toda a alma O ouça. Infelizmente... ouvem-n'O tão poucas! Sabes como Eu procedo?

- Não sei assim muito bem...

- Rezo. Eu rezo pela salvação das almas. Protejo-vos do mal. Eu sou o vosso escudo. Tal como toda a mãe protege o seu filho do mal, assim Eu vos protejo de Satanás e das suas pérfidas ciladas. Eu rezo, para que todas as almas regressem a Jesus; reúno-as e abençôo cada uma delas. É verdade, não Me vêem, mas muitas delas sentem-Me muito bem.

- Desejo dar-te alguma coisa que te faça muito feliz, algo que esteja nas Minhas possibilidades.

Ah! Vassula! Procura dar-Me alegria deste modo: Obedece. Obedece à Vontade de Deus.

- Poss? 1 .

- Não tentes compreender porque motivo Deus veio a ti e não a outros, para a Sua mensagem. Aceita. Obedece-Lhe, Minha filha, quando te pede qualquer coisa. Antes de escrever, recitas as orações que te pede?

- Não.

- Eu ajudar-te-ei, Vassula.

- Mãe Santa, não é verdade que Ele agora está irritado e mesmo desiludido comigo?

Detesto-me. Não quereria desiludi-Lo nunca.

- Vassula, não, não está irritado, porque Ele sabe muito bem que tu és incrivelmente fraca e miserável. Não desesperes, Jesus tem-te instruído e és-Lhe agradável; mas dá-Lhe ainda maior alegria, obedecendo aos Seus desejos. Lembra-te de que Jesus te não pedirá, nunca por nunca, aquilo que poderia fazer-te mal. Jesus quer a tua Salvação. Jesus significa Salvador.

- Eu Vos bendigo, Mãe Santa.

- Vassula, defender-te-ei sempre. Volta a Mim. Amo-te, Minha filha.


1 "Como", em grego.