INÍCIO MENSAGENS
"Celebrai anualmente a data de hoje em que Eu vos trouxe a vós e a tantos outros para dentro do Meu Coração e para descobrirdes estes inumeráveis tesouros que Eu guardei para os vossos tempos; guardai na memória este dia…" 28.11.95

28 de Novembro de 2000 - 15o Aniversário de A VERDADEIRA VIDA EM DEUS


Vassula escreve:

Jesus pergunta a todos nós que vivemos A Verdadeira Vida em Deus: " Estais felizes por estardes Comigo desta forma durante todos estes anos?" E continua: "Vós vos tornastes parte de Mim e Eu Me tornei parte de vós e vós fizestes a vossa morada em Mim, assim como Eu fiz a Minha Morada em vós..." Depois, ao final dessa mensagem Jesus diz: "Meu caminho é reto, Minhas estradas para aproximar-Me de vós são deliciosas... Vosso Rei é perfeito e belo."

Estas palavras de Cristo são para serem vividas; ainda mais por aqueles que são chamados a ser apóstolos de A Verdadeira Vida em Deus. Quando Ele diz: Meu caminho é reto, Nosso Senhor espera que nós endireitemos o nosso caminho e que sejamos um exemplo para os outros, pois somos e nos tornamos parte Dele. Portanto, nenhum vício deve permanecer em nós. Onde há virtude, ali existe Luz; onde existe amor, ali está Deus. Então, eu faço um apelo a todos aqueles que foram chamados para A Verdadeira Vida em Deus para que façam um especial ato de reconciliação. Se acontecer que vós tenhais nestes dias e durante estes dias um rancor contra alguém, por favor, por causa de Jesus, ide e reconciliai-vos durante esta festa de A Verdadeira Vida em Deus e oferecei o vosso gesto a Jesus Cristo. Eu sei que Ele receberá ! este vosso gesto como um ramalhete de flores, como um suave incenso. Portanto, ide e fazei as pazes com vosso irmão, a fim de que possais dizer com toda honestidade a Deus: "Vosso servo está vivendo a vossa mensagem, pois agora eu me reconciliei e fiz as pazes Convosco." Tendo feito as pazes com o vosso irmão, vós tereis realmente feito as pazes com Deus.

Vivei a mensagem de Cristo, pois permanecer sem reconciliação e ainda implorar reconciliação é como orar louvando a Deus somente com os lábios. Nossa Mãe Santíssima disse um dia: "Eu vim até vós para vos pedir que vos reconcilieis com Deus e uns com os outros…. Eu vim para vos lembrar a todos vós que um verdadeiro apóstolo de Deus é aquele que faz a Vontade de Deus. Amar é fazer a Vontade de Deus." (6-8 de Dezembro de 1993). Não desaponteis a Nossa Mãe Santíssima guardando rancor no vosso coração, como uma serpente enroscada. Certamente vós não desejaríeis ouvir vossa Mãe Santíssima dizer-vos um dia: "Quando vos convidei para a reconciliação, quando vós ainda éreis parte uns dos outros, Eu não fui escutada." (6-8 de Dezembro de 1993! ).

Recebi um chamado de Deus; e O atendi. Ele falou; e eu acreditei. Quando o Seu Trabalho começou a se expandir e a Sua Colheita tornou-se rica, foram necessários operários. Então o Pai, que vê todas as coisas, olhou para vós, e vos chamou. Vós respondestes ao Seu Chamado, vós respondestes e Ele ficou satisfeito...

O ter respondido ao Seu Chamado foi uma graça que brotou em vós. Esta graça foi um Dom de Deus saído da Sua Infinita Misericórdia. E, como Nosso Senhor disse, Ele, então, nos formou para nos tornarmos apóstolos destes finais dos tempos. O Senhor nos disse:

Foi dito que, no fim dos tempos, os Nossos Dois Corações (de Jesus e de Maria) suscitariam apóstolos e que seriam chamados apóstolos do Fim dos Tempos. Que estes seriam instruídos pela Rainha do Céu e por Mim Mesmo para, em cada nação, se atirarem para a frente, a fim de proclamar, sem medo, a Palavra de Deus. Mesmo quando ensopados em sangue pelos ataques do Inimigo, não seriam destruídos.

Que a sua língua trespassaria os inimigos da Minha Igreja como uma espada de dois gumes, desmascarando-lhes as heresias. Jamais hesitariam e tão pouco saberiam o que era o medo, porque Eu Mesmo lhes daria um espírito de coragem. O chicote destruidor não os atingiria. Não deixariam uma só pedra por revolver, perseguiriam os pecadores, os oradores arrogantes, os ilustres e os altivos, os hipócritas, os traidores da Minha Igreja; persegui-los-iam com a Minha Cruz numa das mãos e o Rosário na outra. E Nós estaríamos a seu lado ; fariam fracassar as heresias e ergueriam a fidelidade e a verdade em seu lugar; seriam o antídoto do veneno porque brotariam, como botões, do Coração Real de Maria. (3 de Abril de 1996)


Mas também Nossa Senhora, que preparou cuidadosamente várias colheitas de Paz por todo o mundo, tem chamado seus filhos para unir-se e rezar com um só coração. A alguns daqueles que Ela chamou, deu uma missão especial de difundir as Suas mensagens. Nunca saberemos quando o Senhor virá para nos buscar. Então, temos que viver cada dia como se fosse o nosso último dia na terra.

Novamente Jesus nos recorda:

Vim à tua ignorância e encarreguei-te de uma tarefa bem contrária às tuas capacidades, e fiz-te conhecer o Meu Sagrado Coração; e vou continuar a dá-Lo a conhecer neste mundo frio, ensopado no sangue dos seus crimes.
Farei que esta Fonte do Meu Sagrado Coração invada este mundo frio, dando a vida, por onde quer que Ela venha a passar, e a Minha promessa será cumprida, porque o Meu Espírito Santo, o Dador de Vida, governará esta sociedade maliciosa e transformá-la-á num povo honesto e íntegro; então, a santidade e a justiça serão o seu consorte.
(28 de Novembro de 1996)

Deixai-nos regozijar-nos no Senhor para que assim aquele Paraíso possa nos invadir. Deixai que o Espírito Santo faça raízes no meio do nosso coração para transfigurar a nossa alma, impregnando-a com a Imagem de Cristo, uma Imagem Divina. Deixai-nos rezar e dizer estas palavras que o Senhor nos deu:

Dai-nos, Senhor, o vosso Reino,
Para que assim possamos obter a incorruptibilidade
E a divindade para termos a Vida Eterna.


Amém


retorna à página principal